Dieta: erros comuns ao tentar cortar carboidratos

Uma dieta pobre em carboidratos densos – arroz, massas, farinha, biscoito, bolo, pães, etc- pode ser uma maneira eficaz de se perder peso e beneficiar a saúde. Contudo, muitas pessoas naufragam em uma dieta assim e não conseguem atingir seu objetivo: Por quê?

Cortar completamente as fontes desse nutriente: Ao cortar completamente as fontes de carboidrato, a pessoa se sente cansada, lenta e irritada. Além disso, uma dieta muito radical aumenta a vontade de atacar a primeira guloseima que aparece. 

Não ingerir os carboidratos certos: Nem todos os carboidratos são iguais: existem os simples e os complexos. Os primeiros são absorvidos rapidamente pelo organismo e estão presentes, por exemplo, no pão branco, em biscoitos e em bebidas açucaradas. Já os complexos – mais indicados para quem deseja emagrecer – estão nos alimentos integrais, como nos pães Pinheirense, e em vegetais como a batata-doce e a mandioca, e são digeridos mais devagar por conterem fibras. O resultado disso é mais saciedade.

Não controlar as porções: Nem sempre um alimento com baixa quantidade de carboidratos possui poucas calorias. Estar maneirando no arroz, no macarrão, no pão e na batata, por exemplo, não significa que você pode exagerar no consumo de outros alimentos. Por exemplo: carnes magras, frutas e legumes também podem prejudicar a sua dieta se forem ingeridos em excesso. Observar o tamanho da porção é muito importante quando se trata da perda de peso.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *