Estratégias para consumir mais frutas

Saborosas, fáceis de digerir, fontes de energia e ricas em vitaminas e minerais, as frutas são essenciais para todas a pessoas que buscam qualidade de vida. As cítricas, que apresentam altas quantidades de vitamina C e conseguem neutralizar os radicais livres, auxiliam, ainda, na produção de colágeno, mantendo a pele firme. As frutas vermelhas também ajudam a retardar o envelhecimento da pele, pois contêm antocianina e ácido elágico, substâncias que evitam a formação de rugas.

Apesar de todos os benefícios que as frutas proporcionam, muita pessoas ainda têm dificuldades de incluir esses alimentos em sua dieta diária. Confira dez estratégias para consumir mais frutas:

1- No café da manhã, coma seu cereal com banana, kiwi e frutas silvestres fatiadas ou frutas secas como passas ou damascos, e beba um pequeno copo de suco.

2- Recheie um melão cantaloupe com queijo cottage desnatado.

3- Leve para o trabalho, como lanche, porções individuais de frutas sem açúcar.

4- Coloque na pasta, bolsa, mochila ou porta-luvas frutas fáceis de carregar, como maçãs, peras, bananas, tangerinas ou frutas secas.

5- Faça uma vitamina com iogurte, leite ou bebida à base de soja misturada com uma variedade de frutas silvestres frescas ou congeladas.

6- Misture um prato de iogurte desnatado com frutas.

7- Adicione uma xícara (250 ml) de frutas silvestres frescas ou congeladas à massa de panqueca. Recheie as panquecas com maçã cozida ou compota de ruibarbo.

8- Nos restaurantes, peça frutas como entrada ou sobremesa.

9- Não jogue fora bananas maduras demais. Descasque e congele e use para fazer pão de bana ou muffins.

10- Adicione fatias de frutas como maçãs, peras e tangerinas a saladas verdes.

Outono 2018: frutas da estação

O outono, conhecido como a estação das frutas, começa no dia 20 de março, às 13h15, pelo horário de Brasília, e se estende até o dia 21 de junho. Saber escolher os alimentos da época é a melhor opção para a saúde e o bolso. Confira algumas frutas típicas dessa estação do ano e seus respectivos benefícios para a saúde:

Abacate:

Rico em óleo monoinsaturado, a mesma gordura “amiga” do coração encontrada no azeite de oliva, possui mais fibras solúveis do que qualquer outra fruta;

- O abacate é repleto de um fitosterol chamado betasitosterol, que previne a absorção do colesterol pelo intestino;

- Essa fruta tem mais proteínas do que qualquer outra – aproximadamente 2 g em uma porção de 115 g;

- A metade de um abacate médio, cerca de 115 g, fornece 500 mg de potássio e mais de 26% da Ingestão Diária Recomendada (IDR) de ácido fólico. Também apresenta quase 6% da IDR de ferro, vitaminas C, E e B6.

Banana:

- Uma banana média contém aproximadamente 500 mg de potássio, mineral que auxilia na diminuição da pressão arterial;

- A banana contém o aminoácido triptofano, que estimula a produção de serotonina, um neurotransmissor que produz um efeito calmante no corpo;

- É uma fonte rica de vitamina B6. Uma banana média supre 45% da Ingestão Diária Recomendada (IDR). Apresenta 2 g de fibras, algumas das quais são solúveis, ajudando na redução dos níveis de colesterol no sangue;

- Rica em ácido fólico e fibras.

Coco:

- boa fonte de ferro e de fibras;

- Rico em ácidos graxos fáceis de digerir;

- O coco está presente em diversos produtos alimentícios e não-alimentícios. O óleo é usado na gordura vegetal, em cremes que não são à base de leite, em algumas margarinas e em diversos produtos industrializados. É também matéria-prima presente na fabricação de xampus, hidratantes, sabonetes e diversos outros cosméticos;

- A água de coco é rica em vitaminas, minerais, aminoácidos, carboidratos, antioxidantes, enzimas e outros fitonutrientes que ajudam o corpo a funcionar com mais eficiência. Seu conteúdo eletrolítico (mineral iônico) é um excelente reidratante oral.

Pera:

- Boa fonte de fibras;

- Contém vitamina C e ácido fólico;

- Uma pera média possui cerca de 100 calorias e fornece 5 g de fibras. Tais fibras são a pectina, fibra solúvel que ajuda no controle dos níveis de colesterol do sangue, e a celulose, fibra insolúvel que promove o bom funcionamento do intestino;

- Essa fruta ainda apresenta quantidades úteis de vitamina C, ácido fólico e potássio;

- A pera pode ser um lanche ou uma sobremesa ideal, e ainda é usada como acompanhamento doce ou picante de um prato. É saborosa tanto fresca quanto cozida, escaldada ou sautée.