Amendoim: aliado da saúde

Ao contrário do que muitos imaginam, o amendoim não é da família da amêndoa, mas uma leguminosa de origem vegetal que traz diversos benefícios para a saúde. É uma fonte de proteína e rico em gorduras monoinsaturadas, que ajudam a reduzir o “mau colesterol” (LDL).

Uma porção de 30 g de amendoim contém 40 mcg (microgramas) de ácido fólico, ou 16% da Ingestão Diária Recomendada, além de boas quantidades de potássio, tiamina, niacina, vitamina E, fósforo, magnésio, cobre, selênio e zinco. O amendoim também possui resveratrol (a substância encontrada no vinho tinto), além de outros flavonoides e antioxidantes.

Status de Superalimento 

Quando consumido regularmente, o amendoim pode reduzir tanto o risco de doenças do coração quanto o de diabetes tipo 2 nas mulheres. Para as pessoas que desejam emagrecer, esse alimento também é um bom aliado, pois ajuda a saciar a fome, proporcionando uma sensação de saciedade por mais tempo do que alimentos à base de carboidratos.

Pão Pinheirense e pasta de amendoim integral

A pasta de amendoim é uma opção prática, saudável e saborosa que combina com diferentes alimentos. É muito consumida por atletas, pois apresenta uma boa concentração de proteína, gorduras boas, fibras, vitaminas, minerais e zero de açúcar! Ela pode ser usada tanto como um hipercalórico natural para auxiliar na hipertrofia, ou como supressor natural de apetite (em quantidades menores) para quem está em fase de definição.

Experimente o Pão Integral Pinheirense com pasta de amendoim! Você vai ter energia de sobra para o seu treino! Todos os produtos da Pinheirense são integrais, artesanais e isentos de conservantes.

Invista na clara de ovo

A clara de ovo é composta por 90% de água e 10% de proteínas. Cerca de 55% das proteínas da clara de ovo são formados pela albumina, que é considerada uma proteína de alto valor biológico (ou seja, é muito bem aproveitada pelo organismo), e que tem papel fundamental na reconstrução das fibras musculares. Confira os demais nutrientes:

-Selênio: uma única clara contém 9% das necessidades diárias;

-Potássio (2%);

-Magnésio (1%);

-Riboflavina (vitamina B2): 9% das necessidades diárias;

-Ácido pantotênico (B5): 1%;

-Colina;

-Betaína;

-Folato.

A clara de ovo é uma fonte de proteína barata e com teor quase zero de gordura. Além de ser utilizada por quem pratica atividade física e busca aumentar a massa muscular, há benefícios da clara de ovo para a saúde da pele e também para aqueles que estão querendo perder peso. O alto teor de proteínas da clara aumenta a saciedade e permite um consumo menor de calorias durante a refeição e ao longo do dia.

As claras também são uma alternativa saudável para quem adora ovo, mas está preocupado com os níveis de gordura da dieta.

Superalimentos com proteínas

Um suculento peito de frango assado. Um ensopado com pedaços de carne magra. Bife de peru com legumes quentes. Esses pratos ricos em proteínas não apenas dão água na boca, como também ajudam a manter os músculos e a imunidade fortes. Ricos em vitaminas e minerais essenciais, que, com o passar dos anos, tornam-se ainda mais importantes para a boa saúde, também promovem a saciedade, reduzindo o apetite por mais tempo.

Encontradas em grande quantidade especialmente em alimentos de origem animal, como carne, ovos, leite ou queijo, as proteínas são moléculas formadas em decorrência da ligação dos aminoácidos, macronutriente fundamental na alimentação de pessoas de qualquer idade, especialmente para as crianças e pessoas que praticam muitas atividades físicas. Esse nutriente ajuda na correta contração dos músculos, no fortalecimento do sistema imunológico, evita alterações hormonais e auxilia na transformação dos alimentos ingeridos.

Além disso, ao lado dos carboidratos e gorduras, a proteína integra os três nutrientes principais que o organismo necessita para gerar energia e funcionar adequadamente.

Um peito de frango assado sem pele, por exemplo, tem entre 120 e 140 calorias, e vem com toda a proteína que você pode querer com menos da metade da gordura de um bife. É versátil e pode ser o ingrediente principal de tudo- desde uma canja de galinha no almoço até um frango assado no jantar de domingo.

Uma porção de 115 g de peito de peru fornece 60% da proteína de que você precisa por dia, sem a gordura que existe em muitos cortes de carne bovina e suína. Já a carne vermelha é mais saudável do que se pode imaginar. Cortes magros como a chuleta e o filé mignon têm pouca gordura. Metade dos ácidos graxos presentes em uma porção de carne magra é do tipo monoinsaturado, o mesmo encontrado no azeite de oliva.

Segundo pesquisadores, esses ácidos graxos são benéficos ao coração e baixam o colesterol. Melhor ainda: 1/3 da gordura saturada da carne é um ácido graxo singular chamado ácido esteárico, que tem efeito redutor ou neutro sobre o colesterol.

Uma porção de carne bovina é uma excelente fonte de cinco nutrientes essenciais: proteína, zinco, vitamina B12, selênio e fósforo, e uma boa fonte de outros quatro- niacina, vitamina B6, ferro e riboflavina.

É a mesma história com a carne de porco: o lombinho é magro, suculento e totalmente saudável em porções moderadas.

Sanduíche de frango com mistura verde

 

Sanduíches naturais são ótimas opções para quem busca praticidade, sem abrir mão de uma alimentação saudável e saborosa. E sanduíche natural combina com pães Pinheirense – integrais, feitos artesanalmente e isentos de conservantes e outros produtos químicos.

Ingredientes: 500 gramas de peito de frango cozido e desfiado; 1 pacote de pão de forma integral Pinheirense; 1 xícara de salsinha picada; 1 xícara de salsão picado; 1 xícara de aipo cortado; 2 xícaras de casca de melancia;1 limão para temperar; 1 xícara de maionese light.

Todos os produtos da Pinheirense são integrais, livres de conservantes e feitos artesanalmente.

Modo de Preparo:

Cozinhe o peito de frango, desfie e armazene em um refratário; Lave a melancia, descasque-a e rale a casca com o auxilio de um ralador; Leve as cascas ao fogo até a fervura e verifique se possuem maciez, nesse caso, retire do fogo; Pique e corte todos os ingredientes e misture-os; Acrescente a maionese e tempero com sal e limão a gosto; Disponha o recheio sobre uma fatia do pão de forma integral Pinheirense e ponha a segunda fatia sobre o recheio; Sirva o sanduíche em seguida.

Sanduíche de frango com mistura verde

Um sanduíche feito com a carne branca de frango pode oferecer inúmeros benefícios à saúde de seu corpo. O frango não só é fonte de proteína magra, mas contém diversas vitaminas. Confira uma receita de sanduíche natural de frango com mistura verde, que, além de saborosa e nutritiva, é super fácil de fazer:

Ingredientes:

500 gramas de peito de frango cozido e desfiado;

1 pacote de pão de forma integral Pinheirense;

Todos os produtos da Pinheirense são integrais, livres de conservantes e feitos artesanalmente.

1 xícara de salsinha picada;

1 xícara de salsão picado;

1 xícara de aipo cortado;

2 xícaras de casca de melancia;

1 limão para temperar;

1 xícara de maionese light;

Modo de Preparo:

Cozinhe o peito de frango, desfie e armazene em um refratário;

Lave a melancia, descasque-a e rale a casca com o auxilio de um ralador;

Leve as cascas ao fogo até a fervura e verifique se possuem maciez, nesse caso, retire do fogo;

Pique e corte todos os ingredientes e misture-os;

Acrescente a maionese e tempero com sal e limão a gosto;

Disponha o recheio sobre uma fatia do pão de forma integral Pinheirense e ponha a segunda fatia sobre o recheio;

Sirva o sanduíche em seguida.

Confira os benefícios da batata doce

A alimentação é de extrema relevância na rotina de qualquer atleta, principalmente uma dieta rica em proteínas e carboidratos.

Presença certa em festas juninas, a batata doce conquistou mais espaço no cardápio ao se tornar a queridinha dos praticantes de musculação. Considerada o carboidrato ideal para atletas, supera os outros tubérculos em vários nutrientes:, já que possui cinco vezes mais cálcio, o dobro de fibras e mais potássio que a batata-inglesa.

Sem os nutrientes necessários, o corpo não consegue reconstruir o tecido muscular que foi danificado durante o treino e, consequentemente, ao invés de ganhar massa muscular, a pessoa acaba perdendo.

Comparada à mandioca, ela também ganha em fibras e cálcio, assim como em proteína, fósforo e potássio. Resultado: estimula o intestino, auxilia no controle do diabetes e do colesterol e, mesmo sendo mais calórica do que a inglesa, a doce ajuda a emagrecer.

O sucesso desse alimento também está no baixo índice glicêmico (IG), pois esses alimentos liberam lenta e gradualmente a energia contida neles, evitando, assim, os “picos” de insulina no sangue e o acúmulo de gordura, além de proporcionar maior sensação de saciedade.

A batata doce é considerada uns dos principais fontes de carboidrato, e é colocada nas dietas junto com o peito de frango que é um dos principais fontes de proteína. O indicado é consumi-la durante o dia, entre uma e duas horas antes dos treinos de peso.

Além do baixo índice glicêmico, a batata doce possui alta taxa de vitamina A, que age como antioxidante e atua na manutenção dos ossos, tecido epitelial e sistema imunológico. É rica também em vitaminas do complexo B e sais minerais, como cálcio, ferro, potássio e fósforo.

Cada 100g de batata doce tem em média 116 calorias – 1,16g de proteínas, 30,10g de carboidratos e 0,32g de lipídios.