Chá de tangerina: previne de resfriados a tumores

Além de ser fonte de vitamina C (uma fruta de tamanho médio fornece cerca de 60% da Ingestão Diária Recomendada- IDR – para um adulto), as tangerinas são mais ricas em vitamina A (na forma de betacaroteno) do que qualquer outra fruta cítrica.

A casca da tangerina, que costumamos jogar no lixo, também traz diversos benefícios para nosso organismo. Ela é capaz de baixar o colesterol, tem antioxidantes e é usada para o combate ao câncer, para auxiliar na digestão, acalmar o estômago, equilibrar o nível do açúcar no sangue, desintoxicar o fígado e aliviar o estresse. Como se não bastasse, é diurética e, por isso, ajuda no emagrecimento.

Chá de tangerina

A casca da tangerina possui concentrações elevadas de vitaminas A, C, cálcio e fósforo, podendo ser usada no preparo de doces, geleias e chás. Na medicina tradicional chinesa, a casca de tangerina é utilizada para auxiliar no processo de digestão, acalmando o estômago, além de equilibrar a taxa de açúcar no sangue, desintoxicar o fígado e aliviar o estresse.

O chá de tangerina ajuda a manter a temperatura do corpo, e acompanhado por gengibre e alfazema, é um ótimo aliado para as épocas em que gripes e constipações são males comuns.

Primeiramente, é necessário desidratar as cascas. Para isso, basta colocá-las em uma forma e deixar ao sol por alguns dias. Em seguida, guarde as cascas lacradas dentro da geladeira, onde podem ser conservadas por até dois ou três meses. Para preparar o chá, adicione as cascas em água fervente e deixe em infusão durante 3 minutos. Após esse período, é só coar. Não use açúcar, mel, nem adoçante.

Para aliviar sintomas da gripe: sopa medicinal

Com a chegada do inverno, a incidência de gripe e resfriado aumenta consideravelmente, visto que, em temperaturas baixas, os vírus sobrevivem por mais tempo, além de ambientes fechados facilitarem a transmissão de doenças.

Certos alimentos, como o alho, o gengibre, a cebola, o limão, dentre outros, ajudam a prevenir e a combater essas afecções. Pensando nisso, selecionamos uma receita da sopa medicinal de alho, milho-miúdo e algas.

O alho, como muitos já devem saber, é um antibiótico natural, que potencializa as defesas do organismo. Já o milho-miúdo, por ser um cereal alcalinizante, ajuda a combater a acidificação, sendo um excelente digestivo. As algas, por sua vez, além de oferecerem muitos minerais, fornecem mais ânimo e disposição. Você pode comprar algas Nori, Wakame, ou o espaguete do mar.

O preparo é super simples: após refogar três, ou mais dentes de alho no azeite de oliva extravirgem, adicione dois copos de caldo, dua colheres de milho-miúdo e as algas de sua preferência. Cozinhe por 45 minutos. Sirva a sopa medicinal com o Pão de forma Integral da Pinheirense – integral, artesanal e livre de conservantes.