Vinagrete apimentado de abacate no Pão Sueco

Muitas vezes ficamos em dúvida em relação ao que servir em reuniões, festas e encontros especiais, e acabamos por nos enrolar com receitas difíceis e demoradas. Os canapés, por sua vez, são práticos, saborosos e ainda podem ter uma aparência bonita. Você pode fazer de vários tipos – agridoces, com carnes, legumes, queijos, etc.

Hoje mostraremos como preparar um canapé de vinagrete apimentado de abacate, que pode ser servido com qualquer tipo de pão, mas optamos pelo nosso sueco, que é integral, artesanal, isento de conservantes, e ideal para essa receita. Anote aí:

Ingredientes:

1 abacate picado;

1/2 cebola vermelha picada;

suco de um limão;

1 colher de sopa de azeite;

sal e tabasco a gosto;

cebolinhas cortadas para decorar o canapé;

sementes de papola (para decorar);

Pão sueco Pinheirense.

Preparo: Basta misturar todos os ingredientes, adicionando o sal e o tabasco a gosto. Coloque a misture no topo de cada pão sueco, decorando com a cebolinha e as sementes de papola. 

Nosso pão sueco é artesanal, integral e sem conservantes.

Sanduíche natural: alternativa saudável ao fast-food

Feitos com pães integrais, carnes magras e vegetais frescos, os sanduíches naturais são uma opção saborosa para saciar a fome sem cair nas armadilhas dos fast-foods.  Um sanduíche feito com a carne branca de frango, por exemplo, pode oferecer inúmeros benefícios à saúde de seu corpo.

O frango não só é fonte de proteína magra, mas contém diversas vitaminas. Confira uma receita de sanduíche natural de frango com mistura verde, que, além de saborosa e nutritiva, é super fácil de fazer:

Ingredientes:

500 gramas de peito de frango cozido e desfiado;

1 pacote de pão de forma integral Pinheirense;

1 xícara de salsinha picada;

1 xícara de salsão picado;

1 xícara de aipo cortado;

2 xícaras de casca de melancia;

1 limão para temperar;

1 xícara de maionese light;

Modo de Preparo: Cozinhe o peito de frango, desfie e armazene em um refratário; lave a melancia, descasque-a e rale a casca com o auxilio de um ralador; leve as cascas ao fogo até a fervura e verifique se possuem maciez, nesse caso, retire do fogo; pique e corte todos os ingredientes e misture-os; acrescente a maionese e tempero com sal e limão a gosto; disponha o recheio sobre uma fatia do pão de forma integral Pinheirense e ponha a segunda fatia sobre o recheio; sirva o sanduíche em seguida.

Receita de tahine com pão sueco

Preparada com sementes de gergelim, a tahine é uma pasta saborosa, saudável e muito versátil, comumente usada no preparo do homus (pasta de grão de bico), babaganoush (pasta de berinjela), para temperar falafel, em diversos molhos de saladas, e até de doces. 

Experimente preparar o tahine caseiro e servi-lo com o Pão Sueco da Pinheirense.

Tahine caseiro – Ingredientes:

1 xícara de gergelim sem casca
Azeite de oliva – de 3 colheres a 1/3 de xícara

Preparo:

Leve ao fogo médio uma panela ou frigideira de fundo grosso e, assim que estiver quente, coloque as sementes de gergelim. Mexendo com frequência, espere até que o gergelim comece a dourar, cuidando para que não queime. Esse processo é muito rápido.

Depois que as sementes estiverem tostadas, deixe esfriar e coloque-as no processador. Adicione 3 colheres de azeite de oliva e bata no processador, desligue, limpe as laterais e bata novamente. Adicione azeite de oliva até obter a consistência desejada.

Guarde a pasta na geladeira, ela dura por meses. A receita rende 3/4 de xícara de pasta. Sirva com o pão tipo sueco Pinheirense. 

Pães artesanais com creme orgânico de framboesa

Além de saborosa, a framboesa é uma excelente fonte de vitamina C, rica em fibras e com poucas calorias.

Contém boas quantidades de ácido fólico, ferro e potássio, além de fornecer bioflavonoides- antioxidantes capazes de reagir com muitos radicais livres, formando compostos estáveis e retardando o envelhecimento das células. Pode-se mencionar também as ações anti-inflamatória, vasodilatadora, analgésica e anticancerígena.

E que tal preparar um creme de framboesa delicioso e super prático? Cai super bem com o pão tipo sueco da Pinheirense – artesanal, integral e isento de conservantes.

Ingredientes:

125 ml de geleia de framboesa orgânica;

125 ml de creme de leite light;

20 framboesas;

pão Sueco Pinheirense.

Bata o creme de leite até que se obtenha consistência firme. Adicione uma colher de chá do creme e outra de geleia ao pão sueco Pinheirense. Você pode decorar com uma framboesa no topo.

Receitas saudáveis para o verão

Feitos com pães integrais, carnes magras e vegetais frescos, os sanduíches naturais são uma opção saborosa para saciar a fome sem cair nas armadilhas dos fast-foods. 

Um sanduíche feito com a carne branca de frango, por exemplo, pode oferecer inúmeros benefícios à saúde de seu corpo. O frango não somente é fonte de proteína magra, mas contém diversas vitaminas.

Confira uma receita de sanduíche natural de frango com mistura verde, que, além de saborosa e nutritiva, é super fácil de fazer:

Ingredientes:

500 gramas de peito de frango cozido e desfiado;

1 pacote de pão de forma integral Pinheirense;

1 xícara de salsinha picada;

1 xícara de salsão picado;

1 xícara de aipo cortado;

2 xícaras de casca de melancia;

1 limão para temperar;

1 xícara de maionese light;

Modo de Preparo:

Cozinhe o peito de frango, desfie e armazene em um refratário;

Lave a melancia, descasque-a e rale a casca com o auxilio de um ralador;

Leve as cascas ao fogo até a fervura e verifique se possuem maciez, nesse caso, retire do fogo;

Pique e corte todos os ingredientes e misture-os;

Acrescente a maionese e tempero com sal e limão a gosto;

Disponha o recheio sobre uma fatia do pão de forma integral Pinheirense e ponha a segunda fatia sobre o recheio;

Sirva o sanduíche em seguida.

Salada cremosa de camarão no Pão Sueco

Muito comum na culinária escandinava, a salada cremosa de camarão (Krämig räksallad pa toast) é servida no Pão Sueco ou sobre torradas bem fininhas de pão tostado. A Pinheirense fabrica, artesanalmente, o Pão tipo Sueco integral e sem conservantes. A seguir, compartilhamos a receita escandinava, que, além de saborosa, é uma ótima pedida para os dias quentes.

Ingredientes:

200 g de camarão descascado;

1 colher de sopa de rabanete picadinho;

1 colher de sopa de cebolinha bem picada;

1 colher de sopa de endro bem picado;

1 colher de sopa de pimentão picado;

1 colher de café de pimenta vermelha bem picada;

1/4 de xícara de creme de leite fresco;

1 colher de sopa de limão espremido;

1 gema;

2 colheres de chá de mostarda;

meia xícara de azeite;

sal e pimenta do reino;

pão Sueco Pinheirense;

ovas frescas e endro/dill para finalizar.

Modo de fazer: 

Pique bem os camarões, o rabanete, a cebolinha, o endro, o pimentão e a pimenta. Coloque-os em uma tigela e reserve. Misture bem o limão ao creme de leite e reserve. Em outra tigela, bata a gema até que ela espume. Junte a mostarda e bata novamente. Sem parar de bater, vá despejando o azeite, até que fique um creme amarelado.

Adicione o creme de leite com limão à maionese e bata mais um pouco. Acrescente os ingredientes picados, misturando-os completamente. Tempe a gosto com sal e pimenta do reino.

Despeje o creme de camarão sobre o Pão tipo Sueco Pinheirense. Para finalizar, coloque um pouco de ovas frescas e um raminho de dill. Sirva em seguida.

Guardado em recipiente apropriado e refrigerado, a salada cremosa de camarão dura por até três dias.

Você também pode substituir o pão sueco pelo pão integral de forma da Pinheirense, que também não possui conservantes.

Motivos para consumir manteiga ghee

A preocupação cada vez maior com a saúde e com a procedência dos alimentos tem levado muitas pessoas a selecionar melhor tanto os produtos que consomem quanto a maneira como eles são preparados.

Tradicionalmente indiana, a manteiga ghee é produzida a partir do leite de vaca ou de búfala. Trata-se de uma manteiga pura, pois toda a água e os elementos sólidos e toxinas da gordura do leite e lactose são completamente removidos. Ghee é manteiga clarificada, o que significa que foi cozida para separar os sólidos de leite e a gordura do leite. A espuma no topo – que contém os alérgenos – é retirada.

O resultado é um óleo dourado, brilhante e transparente, que não fica rançoso. Esse é o ouro líquido que aparece nas antigas escrituras indianas, e que você poderá usar no preparo de todos os alimentos. Por não estragar facilmente, não precisa de refrigeração.

Motivos para consumir a manteiga ghee:

-  a ghee tem todo o sabor da manteiga, sem os alérgenos: ghee é feita de manteiga, mas os sólidos de leite e impurezas foram removidas.

- não contém lactose, sendo de fácil digestão, podendo ser consumida por intolerantes à lactose;

- não precisa ser armazenada na geladeira, pois tem uma grande durabilidade, embora fique líquida como óleo;

- é rica em vitaminas lipossolúveis: A, E, K e D;

- é uma gordura mais pura e ajuda a reduzir o colesterol e os triglicerídios;

- pode ser utilizada na preparação de refeições porque é estável em temperaturas elevadas;

- melhora o aparelho digestivo e estimula o sistema imunitário: rica em ácido butírico, um ácido gordo de cadeia curta. As bactérias intestinais benéficas convertem as fibras em ácido butírico e, em seguida, usam isso para dar energia e suporte à parede intestinal.

É importante lembrar que esses benefícios são obtidos a partir do consumo de pequenas quantidades de manteira ghee na dieta, que deve ser incluída em uma alimentação balanceada.

Como fazer a manteiga ghee em casa:

- Colocar a manteiga em uma panela, de preferência de vidro ou inox, e levar para o fogo médio até derreter e começar a ferver. Também pode-se usar o banho-maria;

- Com o auxílio de uma escumadeira ou colher, retire a espuma que irá se formar na superfície da manteiga, tentando não mexer na parte líquida. Todo o processo dura cerca de 30 a 40 minutos;

- Espere a manteiga esfriar um pouco e coe o líquido com uma peneira para retirar os sólidos que se formam no fundo da panela, pois eles são formados pela lactose.

- Coloque a manteiga em um frasco de vidro esterilizado e armazenar na geladeira no primeiro dia, para que ela fique com consistência dura. Em seguida, a manteiga pode ser armazenada em temperatura ambiente.

Para que a manteiga dure mais tempo, é importante armazená-la em um frasco de vidro que pode ser esterilizado colocando-o em água fervente por cerca de 10 minutos. Em seguida, deve-se deixa o frasco secar naturalmente sobre um pano limpo, com a boca virada para baixo para que não entre impurezas do ar no frasco. Após a secagem, deve-se tampar bem o frasco e utilizá-lo quando precisar.

Tenha seu jardim medicinal

Que tal cultivar seu próprio jardim medicinal? Basta investir um pouco de tempo, adquirir as sementes, para, em seguida, poder preparar infusões, chás e bálsamos.

É importante escolher um local ensolarado e um solo fértil para preparar o jardim. As plantas perenes vão passar de estação a estação, enquanto as anuais devem ser replantadas ou transplantadas.

Manjericão: Anual. Colha as folhas novas do “rei das ervas” quando precisar. Usos: flatulência, falta de apetite, cortes e arranhões.

Camomila: Anual. Utilize as flores para infusões e pomadas. Usos: indigestão, ansiedade, inflamações cutâneas.

Tanaceto: Perene. Utilize flores e folhas para chás. Mastigue as folhas para aliviar a dor de cabeça. Usos: dores de cabeça, artrites, problemas da pele.

Erva-cidreira ou melissa: Perene. Da família da menta, a erva-cidreira é uma versátil erva medicinal. Usos: ansiedade, insônia, feridas, herpes, picadas de insetos, flatulência.

Salsa: Bianual. Semelhante à sua prima crespa P. crispum, essa erva é carregada de nutrientes. Usos: flatulência, dificuldade de respirar.

Sálvia: Perene. Seu nome significa “curar”, refletindo sua utilização primitiva como erva medicinal e não culinária. Usos: inflamações da boca e da garganta.

Hipérico: Perene. Suas folhas brilhantes e flores amarelas são as partes principais dessa erva. Usos: depressão leve a moderada.

Tomilho: Perene. O ativo principal do tomilho, o timol, é um forte antisséptico. Usos: tosses, congestão, indigestão, gases.

Salada no inverno: receitas nutritivas

Nos dias frios, muita gente dispensa a salada, alegando que esse prato só combina com os dias mais quentes. Mas além de saudáveis, há vários tipos de saladas que podem ser muito bem apreciadas durante o inverno. Selecionamos duas receitas deliciosas:

Salada de atum com feijão branco:

Ingredientes (serve 4 pessoas)

  • 1 cabeça de alho
  • 1/4 de xícara de azeite de oliva extravirgem
  • 2 colheres de sopa de queijo parmesão ralado
  • 1 e 1/2 colher de sopa de suco de limão
  • 4 filés de anchova em conserva (sem o óleo)
  • Pimenta-do-reino moída na hora a gosto
  • 1 lata de feijão branco cozido escorrido
  • 5 xícaras de alface romana picada
  • 5 fatias de tomate seco picadas
  • 2 colheres de sopa de cheiro verde picado
  • 1 lata de atum (sem o óleo)

Preparo

1. Preaqueça o forno a 200 graus, deixando uma grelha no meio. Enquanto isso, corte a cabeça do alho ao meio, na horizontal, e embrulhe cada metade em um pedaço de papel-manteiga. Leve ao forno e asse por 30 minutos, ou até ficar bem macio. Retire do forno com cuidado, descasque os dentes e bata em um processador até formar uma pasta (ou amasse com um garfo). Disponha para uma tigela e e acrescente o azeite, o parmesão, o suco de limão, as anchovas e 1/2 colher de chá de pimenta. Mexa bem até formar um molho cremoso.
2. Misture os feijões com a alface, 3 colheres de sopa do molho de alho, o cheiro verde e 1/2 colher de chá de pimenta. Divida em quatro pratos diferentes, cobrindo a salada com o atum. Coloque o restante do molho por cima e sirva em seguida.

Salada de Huevos Rancheros:

Ingredientes (serve 4 pessoas)

  • 1 lata de feijão preto cozido escorrido
  • 3 colheres de sopa de coentro picado grosseiramente
  • 2 e 1/2 colheres de sopa de suco de limão
  • 1 colher de sopa de pimenta chipotle (ou molho de pimenta vermelha)
  • 1/2 colher de chá de cominho
  • 1 dente de alho picado
  • 1 pitada de sal
  • 1 abacate maduro
  • 1 colher de sopa de azeite de oliva extravirgem
  • 4 ovos grandes
  • 1 xícara de rúcula
  • 1/2 xícara de salsa verde mexicana

Preparo

1. Com um garfo, amasse em uma tigela os feijões com um pouco de coentro, 1 e 1/2 colher de sopa de suco de limão, o chipotle, o cominho, o alho e 1/4 de colher de chá de sal. Corte o abacate ao meio, remova a semente e remova a polpa cuidadosamente com o auxílio de uma colher. Depois corte em fatias e coloque 1 colher de sopa de suco de limão e a pitada de sal.
2. Em uma panela antiaderente, aqueça um pouco de azeite em temperatura média. Quebre os ovos e frite-os até cozinhar a clara. O ideal é que a gema fique mole (se não gostar, pode fritar mais). Divida a mistura de feijão em quatro pratos, cubra com a rúcola, o abacate, a salsa verde e os ovos. Sirva com o Pão tipo Sueco.

Tahine caseiro com Pão Sueco

Preparada com sementes de gergelim, o tahine é uma pasta saborosa, saudável e muito versátil, comumente usada no preparo do homus (pasta de grão de bico), babaganoush (pasta de berinjela), para temperar falafel, em diversos molhos de saladas, e até de doces. 

Experimente preparar o tahine caseiro e servi-lo com o Pão Sueco da Pinheirense.

Tahine caseiro – Ingredientes:

1 xícara de gergelim sem casca
Azeite de oliva – de 3 colheres a 1/3 de xícara

Preparo:

Leve ao fogo médio uma panela ou frigideira de fundo grosso e, assim que estiver quente, coloque as sementes de gergelim. Mexendo com frequência, espere até que o gergelim comece a dourar, cuidando para que não queime. Esse processo é muito rápido.

Depois que as sementes estiverem tostadas, deixe esfriar e coloque-as no processador. Adicione 3 colheres de azeite de oliva e bata no processador, desligue, limpe as laterais e bata novamente. Adicione azeite de oliva até obter a consistência desejada.

Guarde a pasta na geladeira, ela dura por meses. A receita rende 3/4 de xícara de pasta. Sirva com o pão tipo sueco Pinheirense.