Hipoglicemia: sintomas e prevenção

A glicose, o açúcar do sangue, é a maior fonte de energia do corpo, além de ser a única forma de energia que o cérebro usa de forma eficaz. Durante a digestão e o metabolismo, o fígado converte todos os carboidratos e aproximadamente metade das proteínas de uma refeição em glicose, que é liberada no fluxo sanguíneo. Em resposta ao aumento dos níveis de glicose no sangue, o pâncreas secreta insulina adicional, que é o hormônio que capacita a célula a usar o açúcar para a produção de energia.

A hipoglicemia ( baixo nível de açúcar no sangue) ocorre quando a quantidade de insulina do sangue excede o que é necessário para o corpo metabolizar a glicose existente. Estes casos são comuns em diabéticos que tomam insulina demais, mas também ocorre em outras circunstâncias: excesso de consumo de álcool, ingestão exagerada de aspirina ou acetaminofena, betabloqueadores e algumas drogas antipsicóticas, ou então quando se desenvolvem tumores que secretam a insulina.

Dicas: 

-Consuma refeições pequenas que forneçam equilíbrio de proteína, de carboidrato e de gordura;

-controle refeições e petiscos que contenham somente carboidratos ( especialmente os açucarados);

-evite beber álcool sem comer;

-coma imediatamente um destes alimentos para elevar os níveis de glicose do sangue:

- 1/2 copo de qualquer suco de frutas;

- 1/2 copo de um refrigerante comum ( sem ser dietético);

- 1 copo de leite;

- 5 ou 6 balas;

- 1 ou 2 colheres de chá com açúcar ou mel.

Hipoglicemia: aprenda a se proteger

A glicose, o açúcar do sangue, é a maior fonte de energia do corpo, além de ser a única forma de energia que o cérebro usa de forma eficaz.

Durante a digestão e o metabolismo, o fígado converte todos os carboidratos e aproximadamente metade das proteínas de uma refeição em glicose, que é liberada no fluxo sanguíneo. Em resposta ao aumento dos níveis de glicose no sangue, o pâncreas secreta insulina adicional, que é o hormônio que capacita a célula a usar o açúcar para a produção de energia.

A hipoglicemia ( baixo nível de açúcar no sangue) ocorre quando a quantidade de insulina do sangue excede o que é necessário para o corpo metabolizar a glicose existente. Estes casos são comuns em diabéticos que tomam insulina demais, mas também ocorre em outras circunstâncias: excesso de consumo de álcool, ingestão exagerada de aspirina ou acetaminofena, betabloqueadores e algumas drogas antipsicóticas, ou então quando se desenvolvem tumores que secretam a insulina.

Dicas:

Consuma refeições pequenas que forneçam equilíbrio de proteína, de carboidrato e de gordura;

Controle refeições e petiscos que contenham somente carboidratos ( especialmente os açucarados);

Evite beber álcool sem comer;

Coma imediatamente um destes alimentos para elevar os níveis de glicose do sangue:

- 1/2 copo de qualquer suco de frutas;

- 1/2 copo de um refrigerante comum ( sem ser dietético);

- 1 copo de leite;

- 5 ou 6 balas;

- 1 ou 2 colheres de chá com açúcar ou mel.