Greve dos caminhoneiros: cuidados ao comprar carnes

Dúvidas quanto a procedência e qualidade das carnes comercializadas no país aumentam cada vez mais entre os consumidores. É bom ficar atento a alguns detalhes, e evitar diferentes transtornos. Saiba quais cuidados tomar ao comprar esse alimento.

No caso da carne, julgue o livro pela capa. Mesmo não sendo o único fator de avaliação, deve, com certeza, ser levado em consideração. No caso do frango, sempre busque produtos frescos, em ambientes bem refrigerados e com aparência clara.

Para carne de porco, muito cuidado. Sempre procure padrões dentro do normal para cada corte, além de evitar aparências escurecida, com sinais de estarem velhas ou em conservação irregular.

Neste casos, é sempre importante ter um açougue ou comércio de confiança, em que você tenha certeza de que os produtos têm  boaprocedência e são bem armazenados. Sempre converse com o açougueiro, peça dicas e questione sobre a procedência e datas das carnes.

Além da aparência, carnes com odores também são perigosas. Caso compre uma peça que apresente cor escura e odores, retorne imediatamente ao estabelecimento e peça seu dinheiro de volta.

Produtos processados

Os produtos que passaram por algum processamento também são perigosos, pois podem ser “mascarados”. A carne moída, por exemplo, pode ser feita com carnes velhas, sendo uma tática utilizada por estabelecimentos irregulares para não desperdiçar as sobras.

Sempre peça para o açougueiro moer um pedaço de carne de sua escolha, para que assim tenha certeza da boa procedência do produto bruto.

Produtos embalados

Pensava-se que apenas os produtos vendidos fora de embalagens corriam riscos de má conservação. Muito pelo contrário. Aquele pequeno açougue perto de sua casa, pode ser muito mais higiênico e correto do que grandes empresas do segmento.

Quando desconfiar de carnes já embaladas, mesmo que sejam de grandes empresas, registre uma reclamação e peça a troca ou estorno do produto no local de compra. Sempre verifique a embalagem antes, constatando a origem e data de validade destes produtos.

Cuidado na sua conservação

Os produtos também podem perder qualidade na sua geladeira. Após abrir um pacote ou consumir uma fração de uma peça de carne, busque condições corretas de armazenamento. Consulte a validade de cada produto após ser congelado. Evite descongelar e fazer o recongelamento, prática que faz um empobrecimento da carne.

Faça denúncias

Para um controle adequado das condições sanitárias, faça denúncias de locais em que comprou produtos com aspecto ruim. Com essas reclamações, a vigilância sanitária poderá fazer as verificações e constatar se as condições são adequadas ou não. Cumpra com seu dever cívico e ajude os órgãos fiscalizadores a chegarem até os problemas.