31 de outubro: Dia do Saci-Pererê

Entre os muitos personagens imortalizados pelo escritor Monteiro Lobato, está o Saci-Pererê, um menino negro de uma perna só, que possui poder mágicos devido à carapuça vermelha que traz na cabeça. Hoje, 31 de outubro, enquanto os americanos celebram seu Halloween, o Brasil comemora mais um Dia do Saci, uma homenagem à cultura local.

A data foi estabelecida em 2005, pelo Projeto de Lei 2.479/2003, como medida para resgatar a tradição do folclore nacional, cada vez mais esquecido nos livros e menos propagados, e como forma de resistência à cultura estrangeira, que está  mais presente na vida dos brasileiros. Apesar disso, multiplicam-se as festas de Halloween e o país segue escanteando seus clássicos.

Pães integrais com linhaça

Além de não utilizar conservantes e produtos químicos em seus produtos, a Pinheirense faz uso de combinações variadas de sementes, aumentando o poder nutritivo dos pães e, respectivamente, seus benefícios à saúde.

Por ser uma rica fonte de fibras solúveis, a linhaça auxilia na redução dos níveis de colesterol, combatendo doenças cardíacas. Também é comprovado que as fibras insolúveis dessa semente contribuem ainda para evitar a prisão de ventre.

Fonte de ácido alfa-linoléico (ALA) – um ácido graxo essencial considerado como uma gordura “boa para o coração”-, ajuda a afinar o sangue. Os ácidos graxos ômega-3 não são produzidos pelo organismo, precisam ser adquiridos por meio de alimentos, como a linhaça.  Eles reduzem a tendência das plaquetas de se agruparem, formando coágulos.

As lignanas, que compõem a semente de linhaça, convertem-se em compostos similares ao estrogênio do próprio organismo, mas com menor atividade. Possuem a capacidade de ocupar os receptores de estrogênio nas células e bloquear os efeitos de estrógenos mais fortes. Devido a esse fator, diversas pesquisas estudam o papel da linhaça na prevenção de alguns tipos de câncer vinculados a hormônios, como o câncer de mama e de cólon.

Experimente o Pão de forma Integral e o Pão Sueco com linhaça!

Controle a Pressão Sanguínea com a Dieta Dash

A maior prova em favor das dietas como meio de controlar a pressão arterial é resultado de dois experimentos subsidiados pelo National Institutes of Health, nos EUA. Reunidos, os estudos são conhecidos como dieta DASH – sigla em inglês para Abordagem Alimentar para Redução da Hipertensão.

A dieta DASH fornece alimentos ricos em fibras, cálcio, magnésio e potássio, além de ser pobre em gordura saturada. O plano da dieta lista de oito a dez porções de frutas e vegetais e de duas a três xícaras diárias de derivados do leite com baixo teor de gordura. A seguir, apresentamos as instruções gerais que podem ser seguidas em seu plano alimentar:

- Cereais e produtos à base de cereais: de sete a oito porções diárias;

- Frutas e vegetais: de quatro a cinco porções diárias de cada;

- Derivados do leite com pouca gordura ou 0% de gordura: de duas a três porções diárias;

- Carne vermelha, ave e peixe: duas ou menos porções ( de 85 g) diárias;

- Nozes, sementes ou legumes: de quatro a cinco porções semanais;

- Gorduras: de duas a três porções diárias. Evite gordura saturada;

- Doces: cinco por semana.

Prevenção e Controle: Adultos acima dos 40 anos devem avaliar a pressão arterial anualmente. Mas apenas uma medição da pressão arterial não é suficiente para se diagnosticar a hipertensão, a não ser que o problema já esteja em estágio grave. Algumas pessoas também sofrem da “hipertensão do jaleco branco”, caso em que sua pressão sobe ao consultar um médico, mas permanece normal em outros momentos. Para diagnosticar a hipertensão adequadamente, diversas medições são necessárias – feitas em diferentes momentos e talvez até em diferentes locais.

Pegue sol em pequenas doses

Especialistas acreditam que a maioria dos casos de câncer de pele é causada por excessiva exposição solar antes dos 18 anos. Cerca de 80% dos sinais de envelhecimento da pele estão relacionados à exposição ao sol ao longo da vida. Então, quanto mais exposição ao sol você teve, maior a chance de rugas, manchas, sardas e alteração da cor da pele depois dos 50 anos.

Limite os banhos de sol intencionais, especialmente no meio do dia. Use chapéu para proteger o rosto, o pescoço e as orelhas e protetor para os lábios. Use óculos escuros quando estiver ao ar livre sob sol forte entre 10h e 16h, e escolha óculos que protejam contra 99% de raios UVA e UVB, os dois tipos de radiação ultravioleta na luz solar que podem provocar os maiores danos.

Se tiver de se expor ao sol, escolha um protetor solar de “largo espectro”, efetivo contra UVA e UVB, e com FPS 15 ou maior. Aplique 30 minutos antes da exposição e aumente aos poucos sua exposição ao sol. Um protetor solar “à prova d’água” fornece proteção por duas vezes mais tempo do que um “resistente à água”. O mais importante: não exagere no tempo de exposição ao sol.

Cultive seu próprio jardim medicinal

Que tal cultivar seu próprio jardim medicinal? Basta investir um pouco de tempo, adquirir as sementes, para, em seguida, poder preparar infusões, chás e bálsamos.

É importante escolher um local ensolarado e um solo fértil para preparar o jardim. As plantas perenes vão passar de estação a estação, enquanto as anuais devem ser replantadas ou transplantadas.

Manjericão: Anual. Colha as folhas novas do “rei das ervas” quando precisar. Usos: flatulência, falta de apetite, cortes e arranhões.

Camomila: Anual. Utilize as flores para infusões e pomadas. Usos: indigestão, ansiedade, inflamações cutâneas.

Tanaceto: Perene. Utilize flores e folhas para chás. Mastigue as folhas para aliviar a dor de cabeça. Usos: dores de cabeça, artrites, problemas da pele.

Erva-cidreira ou melissa: Perene. Da família da menta, a erva-cidreira é uma versátil erva medicinal. Usos: ansiedade, insônia, feridas, herpes, picadas de insetos, flatulência.

Salsa: Bianual. Semelhante à sua prima crespa P. crispum, essa erva é carregada de nutrientes. Usos: flatulência, dificuldade de respirar.

Sálvia: Perene. Seu nome significa “curar”, refletindo sua utilização primitiva como erva medicinal e não culinária. Usos: inflamações da boca e da garganta.

Hipérico: Perene. Suas folhas brilhantes e flores amarelas são as partes principais dessa erva. Usos: depressão leve a moderada.

Tomilho: Perene. O ativo principal do tomilho, o timol, é um forte antisséptico. Usos: tosses, congestão, indigestão, gases.

Poderosa castanha!

São vários os benefícios provenientes do consumo da castanha do Pará, que pode ser consumida torrada, em doces e sorvetes, in natura, na forma de farinhas, em receitas salgadas e doces.

Muita rica em nutrientes, é composta por fibras, proteínas, cálcio, ferro, potássio, zinco, selênio, vitamina e ácido fólico. As gorduras mono e poliinsaturadas presentes na castanha do Pará ajudam a reduzir os níveis de colesterol ruim do sangue (LDL) e a aumentar o bom colesterol (HDL).

Já é comprovado que também auxilia no combate à propagação do câncer, diminuindo a sua incidência. Além de melhorar o sistema imunológico, ajuda a equilibrar a atuação dos hormônios da tireoide. Como se não bastasse, é um poderoso antioxidante.

Ao se mastigar apenas uma única castanha-do-pará, pode-se superproteger as unidades microscópicas do organismo, devido ao selênio, que é um mineral muito importante para se ter uma vida longa e saudável, combatendo o envelhecimento celular causado pela ação dos radicais livres.

Devido a grande quantidade de selênio presente na castanha do Pará, o consumo de uma única unidade diária supre as necessidades do corpo. Justamente por ser um mineral antioxidante, o selênio combate os radicais livres, fortalece o sistema imunológico e ainda ajuda a evitar tumores.

O zinco, presente na castanha-do-pará, tem papel fundamental na produção de glóbulos brancos. Ajuda a controlar a pressão e a amenizar sintomas da tensão pré-menstrual, sem falar no potássio, um grande aliado no desenvolvimento dos músculos.

Confira a receita de arroz integral com castanha do Pará

Ingredientes:

½ xícara de chá de arroz integral;

1 xícara de chá de leite de soja;

¼ de colher de chá de noz moscada moída;

1 pitada de sal

8 castanhas do Pará picadas

Preparo:

Coloque o arroz integral, o leite de soja, a noz moscada e o sal em uma panela média;

Levar ao fogo e mexer de vez em quando; tampar a panela e reduzir o fogo;

Deixe cozinhar por 45 minutos. Acrescentar as castanhas do Pará;

Rendimento: 8 porções.

Emagreça com saúde: sucos naturais

Selecionamos algumas receitas de sucos combinados- frutas + verduras- que ajudam bastante na perda de peso. Além de nutritivos, saudáveis e livres de gordura, são muito saborosos! Basta escolher aqueles que mais agradam ao seu paladar!

Abacaxi, laranja e limão: 1 rodela de abacaxi; 1 laranja, 1/2 limão com cascas; 100 ml de água. Preparo: corte a rodela de abacaxi em cubos. Descasque a laranja, deixando o máximo de pele branca. Corte-a em pedaços ou separe-a em gomos. Corte o limão em rodelas finas e bata tudo no liquidificador com água. Coe, acrescente gelo em cubinhos, se desejar, e sirva em seguida.

Cenoura, nabo, espinafre, alface e salsa: 5 cenouras, 6 folhas de espinafre, 4 folhas de alface, 1/4 de um nabo, 4 galhinhos de salsa, 200 ml de água. Preparo: corte as cenouras em fatias. Em seguida, coloque-as junto com os outros ingredientes no liquidificador. bata bem, coe e tome em seguida.

Uva, kiwi e laranja: 3 kiwis, 1 cacho de uvas, 1 laranja, 100 ml de água. Preparo: corte os kiwis em rodelas finas. Descasque a laranja, deixando o máximo de pele branca. Corte-a em pedaços ou separe-a em gomos. Leve as frutas todas juntas ao liquidificador, com água. Bata, coe e tome em seguida.

Caqui, abacaxi e pera: 1 caqui, 1 rodela de abacaxi, 1 pera, 150 ml de água. Preparo: corte o caqui e a pera em pedaços pequenos, descartando as sementes; o abacaxi, em cubos. Bata tudo no liquidificador, coe e tome em seguida.

Maçã, beterraba e laranja: 2 maças vermelhas, médias; 1 beterraba, 1 laranja, 150 ml de água. Preparo: corte as maçãs em pedaços pequenos e descarte as sementes. Rale a beterraba. Descasque a laranja, deixando toda aquela parte branca ao redor dela. Depois, corte a laranja em pedaços menores e bata tudo na centrífuga com a água.

Goiaba e hortelã: 1 colher (sopa) de mel, 2 folhas de hortelã, 1 goiaba vermelha picada, 1 xícara (chá) de água. Preparo: bata todos os ingredientes no liquidificador, coe e sirva.

Melancia e água de coco: 1 copo (americano) de água de coco; 4 fatias médias de melancia. Preparo: bata tudo no liquidificador, coe e sirva.

Morango e alface: 1 xícara (chá) de morangos picados, 1 colher (sopa) de mel, 2 folhas de alface, 1 xícara (chá) de água. Preparo: bata todos os ingredientes no liquidificador, coe e sirva.

Pão Integral com pasta de ricota

A ricota é um tipo de queijo preparado com o soro do leite que traz diversos benefícios para a saúde, além de possuir um sabor leve e neutro. Comparada com os queijos tradicionais, apresenta muito menos calorias e gordura. Por ser um alimento tão saudável, não podíamos deixar de associá-lo aos Pães Pinheirense – integrais, isentos de conservantes e feitos artesanalmente. Faça você mesmo a sua pasta de ricota:

Ingredientes
- 1 caixinha de creme de leite light – 200g
- 1 xícara (chá) de ervilha fresca congelada – 130g
- 100 g de ricota
- 1 colher (chá) de sementes de erva-doce – 1,5g
- Pão integral Pinheirense
- Sal a gosto

Modo de Fazer
1. Coloque a ervilha em uma panela com 1 xícara (chá) de água fervente e 1 colher (chá) de sal. Deixe no fogo por 5 minutos ou até a ervilha ficar macia. Retire do fogo e escorra a água.
2. Disponha, em um prato fundo, a ricota, o creme de leite, o sal e as sementes de erva-doce. Amasse com um garfo até ficar homogêneo. Sirva com o pão integral Pinheirense e, por cima, arrume a ervilha. Decore com tomate cortado em cubos pequenos.

 

Cuidados com o bebê

 

Os bebês merecem e têm direito a um cuidado todo especial, por isso, os pais devem estar sempre atentos e procurar as melhores soluções, para aliviar e tratar incômodos recorrentes nesta fase da vida. Selecionamos algumas dicas que, além de eficientes, são baseadas em tratamentos naturais, ou seja, livres de produtos químicos.

Um remédio para assaduras colhido no jardim

A calêndula, uma prima da margarida, tem sido há muito usada para tratar assaduras da pele. Por isso, mantenha uma loção feita em casa para aliviar a pele do seu bebê. Corte as flores da calêndula e deixe-as secar. Pique as pétalas em uma vasilha e coloque 1 colher (sopa) em outro recipiente.

Despeje 720 ml de água recém-fervida sobre as pétalas, deixe descansar durante 1 hora e coe para uma garrafa. Aplique sobre as nádegas do bebê ou sobre outras áreas vermelhas e irritadas até quatro vezes por dia.

Um substituto temperado para o talco

Já se demonstrou que o fenacho, ou feno-grego, cura a assadura proveniente do uso da fralda. Aplique-o sobre a pele, como o talco, ou, se preferir, misture com um poco de água para formar uma pasta e passe-o sobre as áreas irritadas.

Camomila para congestão?

Caso o seu bebê tenha seis meses ou mais, tente aliviar a congestão com um chá fraco de camomila, ou seja, um saquinho de chá de camomila em 480 ml de água quente por não mais que 3 minutos. Ponha o chá morno na mamadeira e faça-o sugar 2 a 3 vezes ao dia. Mas converse antes com a (o) pediatra. A camomila pode desencadear reações alérgicas em alguns bebês.

Aliviando a dor de garganta

Se o seu bebê já é grande o suficiente para ingerir alimentos sólidos, as bebidas mornas, como um chá ou um caldo, podem melhorar a dor de garganta. Mas não acrescente mel ao chá, pois pode conter esporos. O suco gelado de maçã é um outro recurso bastante eficaz para aliviar a dor de garganta de um bebê ou de uma criança pequena.

O poder dos chás: bem-estar e saúde

O chá é uma bebida milenar conhecida no mundo inteiro. Sua história teve início na China, quando o imperador Shen Nung viu uma folha cair em um recipiente com água fervida e logo depois notou que a cor da água tornou-se acastanhada. Cientista e muito curioso, Shen resolveu experimentar e achou a bebida refrescante. Desde então, tem-se registros do uso do chá no território Chinês.

Quando chegou à Inglaterra – país onde a bebida tem grande popularidade -, o chá só fazia parte do cardápio da corte. Com o passar do tempo, a bebida se popularizou e caiu no gosto de todas as classes inglesas.

Além de uma bela história, o chá possui propriedades curativas, calmantes e refrescantes. Com uma grande variedade de cores e sabores fica fácil adaptá-lo aos costumes diários.

Vantagens do chá:

-É um estimulante refrescante, praticamente sem nenhuma caloria se tomado puro;

-Contém antioxidantes e bioflavonoides que podem reduzir o risco de câncer, doenças do coração e derrames;

-Contém tanino, que protege contra problemas dentários;

-Chás de ervas não contêm cafeína.

Confira alguns tipos de chás e as suas características:

Chá de hortelã: auxilia na digestão, em cólicas e dores estomacais. Pode ser usado em gargarejos para melhorar o hálito e dores de garganta. Combina com: bolo de chocolate.

Chá de camomila: a camomila tem propriedades calmantes e relaxantes, assim ajuda na qualidade do sono. Também é muito usada para diminuir o inchaço das temíveis olheiras. Combina com: pão integral e torradas.

Chá de erva-doce: ameniza as tosses e bronquite por apresentar características expectorantes e previne a retenção de líquido comum nas épocas quentes. Combina com: rosquinhas e bolos.

Chá mate: esse talvez seja o mais famoso de todos. A erva-mate tem poder estimulante, deixa o cérebro em alerta e o corpo pronto para a prática de atividades físicas. No calor, pode ser servido gelado, pois é bem refrescante. Combina com: sanduíche e pão de queijo.

Chá de urtiga: feito com a mesma planta que causa coceira na pele, o chá de urtiga é rico em vitamina C e em diversos sais minerais. Os herboristas recomendam que se tome este chá para o tratamento da artrite e da gota, e para aumentar a produção de leite nas mulheres durante o período de amamentação. Sirva com cubos de pão torrado.

Chá de hibisco: O chá de hibisco tem efeito diurético, por isso, é um aliado para evitar a retenção de líquidos. Também contribui para a diminuição do colesterol ruim, LDL, e aumento do colesterol bom, HDL; ajuda a baixar a pressão arterial; evita o acúmulo de gordura.

A bebida pode ser servida em qualquer hora do dia, é só escolher o sabor e se deliciar com os aromas e os sabores das ervas.