28 de julho: Dia do agricultor

No dia 28 de julho é comemorado o dia do agricultor, data instituída a partir do centenário da criação do Ministério da Agricultura, em 1960.

O agricultor se utiliza dos recursos do solo para fazer as plantações, além de utilizar maquinários e equipamentos específicos. Assim como os outros meios tecnológicos se desenvolveram, as técnicas de plantio também tiveram as tecnologias inseridas em seu contexto.

Agricultura orgânica

O alimento orgânico é produzido por agricultores que protegem o ambiente para as futuras gerações, ao fazer a rotação das culturas ( que promove a diversidade biológica), conservando e renovando o solo, e protegendo as fontes de água.

Esse modo de produção assegura o fornecimento de alimentos orgânicos saudáveis, mais saborosos e de maior durabilidade; não utilizando agrotóxicos preserva a qualidade da água usada na irrigação e não polui o solo nem o lençol freático com substâncias químicas tóxicas; por utilizar sistema de manejo mínimo do solo assegura a estrutura e fertilidade dos solos, evitando erosões e degradação, contribuindo para promover e restaurar a rica biodiversidade local.

Por esse conjunto de fatores, a agricultura orgânica viabiliza a sustentabilidade da agricultura familiar e amplia a capacidade dos ecossistemas locais em prestar serviços ambientais a toda a comunidade do entorno, contribuindo para reduzir o aquecimento global.

Esfoliações naturais para a pele

Limpeza de pele, máscaras, esfoliações e outros métodos para acelerar o desprendimento das células mortas da pele são muito populares.

Retirá-las expõe as células mais limpas e macias que estão logo abaixo da superfície. A esfoliação estimula a circulação, deixando a pele com a um brilho saudável.

Economize o dinheiro da limpeza de pele com a esteticista usando itens que você encontra no armário da cozinha e na geladeira.

Massageie suavemente com os esfoliantes apresentados aqui, fazendo movimentos circulares. Após enxaguar e secar a pele, aplique algum creme hidratante. Você vai se sentir renovada!

Esfoliação de morango

Amasse 5 ou 6 morangos. Em seguida, misture 1 colher de sopa de amêndoas moídas e iogurte suficiente (cerca de 2 colheres de sopa) para engrossar até a pasta poder ser aplicada;

Remoção com aveia

Misture bem 2 colheres (chá) de grãos de aveia moídos bem fino, sem cozinhar, com 1 colher de chá de bicarbonato de sódio. Adicione água lentamente até se transformar em uma pasta que você possa espalhar sobre a pele;

Gengibre vibrante

Misture quantidades iguais de gengibre fresco moído e açúcar mascavo. Em seguida, adicione extrato de baunilha ou óleo de amêndoas doce para uma esfoliação corporal energizante. O gengibre contém agentes antioxidantes e é famoso por estimular a circulação.

Tangerina: fonte de vitamina C, betacaroteno e potássio

 

Além de ser fonte de vitamina C ( uma fruta de tamanho médio fornece cerca de 60% da Ingestão Diária Recomendada- IDR – para um adulto), as tangerinas são mais ricas em vitamina A ( na forma de betacaroteno) do que qualquer outra fruta cítrica.

Uma tangerina de tamanho médio apresenta 775 UI ( Unidade Internacional) ou 77 ER ( Equivalentes de Retinol) de vitamina A, e 130 mg de potássio, e somente 35 calorias. Além disso, ainda são ricas em pectina – uma fibra solúvel que ajuda a reduzir os níveis de colesterol no sangue – e também possuem tangeretina, um flavonóide mais comumente encontrado nas frutas cítricas, que, segundo alguns estudos, seriam responsáveis por interferir em uma ou mais etapas do processo de formação de tumores.

Auxílio no tratamento de indisposições estomacais

Os chineses usavam a tangerina para tratar a indisposição estomacal, melhorar a náusea e como expectorante. Na França, esta fruta é dada para crianças, para curar a indigestão e o soluço.

Receita sustentável:

A casca da tangerina possui concentrações elevadas de vitaminas A, C, cálcio e fósforo, podendo ser usada para fazer doces e geleias.

Geleia de tangerina:

Ingredientes: Suco de 30 tangerinas; Casca de 5 tangerinas; 1 kg de açúcar orgânico.

Preparo:

Ferver as cascas das 5 tangerinas, trocando a água por três vezes;
Raspar a parte branca e descartar;
Cortar as cascas em tirinhas bem fininhas;
Levar ao fogo o suco das tangerinas, com o açúcar e as cascas em tirinhas;
Cozinhar em fogo baixo até atingir o ponto de geleia.

Dica: sirva com o Pão de trigo integral e com o tipo Sueco da Pinheirense. Uma delícia! Lembrando que nossos produtos são artesanais, integrais e livres de conservantes e outros produtos químicos.


Aula de jardinagem para crianças

Ensinar jardinagem aos filhos pode ser uma aula sobre as alegrias da economia e do raciocínio criativo. A criança que decide usar uma antiga vara de pescar como estaca para os tomates, um sapato velho como jardineira para ervas culinárias e uma esferográfica para deixar reto um caule de flor dobrado, certamente, vai aprender a amar o desafio de resolver problemas empregando a imaginação – um florescente integrante da fraternidade do “faça você mesmo”.

Para começar, equipe seu filho com uma pequena pá e um balde, e deixe-o colocar a mão na terra. Ajude-o a plantar uma mistura de sementes de flores, verduras e legumes que produzirão plantas compactas, fáceis de cuidar, e deixe-o aprender por tentativa e erro. Seja o modelo, utilizando o maior número possível de objetos domésticos comuns, e logo ele seguirá seu exemplo.

No fim da estação de crescimento, mantenha as plantas no lugar, para que a criança possa observar o que acontece no jardim dela no outono e no inverno. Ao longo dos anos, esse canteiro pode aumentar; ela trabalhará sozinha – com sorte, como aprendiz na arte da autossuficiência :-)

Water Bike: conheça os benefícios

O Water Bike ( ergômetro aquático) tem sido procurado por pessoas de todas as idades, que desejam, principalmente, perder peso e melhorar o condicionamento físico. Uma das vantagens dessa modalidade aquática é o aperfeiçoamento na execução do movimento, sem causar danos ao sistema esquelético e muscular, diminuindo o impacto sobre as articulações.

Além disso, a atividade melhora a capacidade cardiorespiratória e muscular, além de proporcionar grande perda calórica – 500 calorias em 50 minutos! Outros benefícios da prática são: diminuição da pressão arterial, exercícios mais intensos com menor impacto às articulações e à coluna vertebral, perda de peso, fortalecimento muscular.

Geralmente, as aulas são iniciadas com aquecimento; as pedaladas acompanham o ritmo das músicas selecionadas pelo (a) professor (a) e seguidas por movimentos específicos de força e resistência, sendo encerradas com relaxamento e alongamentos.

Há quem diga que a Water Bike é o spinning aquático, contudo, a primeira leva uma grande vantagem por ser realizada na água, o que proporciona segurança articular, pois ocorre uma redução do peso corporal, o que diminui a sobrecarga das articulações (principalmente do joelho); 75% da força da gravidade são reduzidas e trabalha-se com a frequência cardíaca mais baixa, porque a água facilita o retorno venoso, o que por sua vez facilita a termorregulação.

Sem restrição de idade, a aula é indicada para idosos, obesos e até para quem sofre com questões ortopédicas. A prática de atividades físicas é fundamental para a saúde e a qualidade de vida, portanto, opte por aquelas que também proporcionem prazer, e não sejam encaradas como mais uma obrigação ;)

10 de julho: Dia da Pizza

A pizza é um dos pratos preferidos dos brasileiros, e São Paulo é a cidade onde mais se consome esse tipo de massa no país! Não por acaso, desde 1985, é comemorado, no dia 10 de julho, o dia da pizza.

De acordo com a Associação da Verdadeira Pizza Napolitana, da Itália, para ser considerada pizza, a massa e o recheio devem apresentar algumas características básicas. Dessa forma, a invenção de novas receitas não interfere na tradição da típica comida italiana. A massa precisa ser redonda, com diâmetro entre 30 cm a 35 cm , com espessura que não deve ultrapassar cinco milímetros e borda com altura máxima de dois centímetros. A textura da massa deve ser macia, elástica e fácil de ser dobrada pela metade. Já os recheios mais tradicionais são a Napolitana, Margherita  e Pomodoro.

Mas tais características não são exigidas no Brasil, onde, desde o século XX, são preparadas diversas receitas, com recheios variados, que levam desde coração de galinha com mussarela, pizza de picanha, rosbife, linguiça de avestruz, cachorro quente, até kani kama – massa de carne de peixe branca e rosa.

Para o post de hoje, selecionamos uma receita de pizza vegana, que por ser mais sudável (e nem por isso menos saborosa) tem tudo a ver com a Pinheirense! Anote aí:

Ingredientes:

Massa:

3 tabletes de fermento biológico;

1 colher rasa de sobremesa de sal;

1 colher de café de açúcar;

200 ml de água morna;

1/2 xícara de óleo;

Cobertura:

Molho de tomate;

2 tomates picados;

2 cebolas picadas;

1 pimentão grande picado;

1/2 lata de milho verde em conserva;

300 g de queijo tipo mussarela;

Orégano;

Modo de fazer:

- Coloque os 3 tabletes de fermento biológico em uma vasilha;

- Adicione a colher de sal e a de açúcar e, quebrando devagar os tabletes, misture-os até que a mistura se torne um caldo homogêneo;

- Acrescente um pouco de farinha de trigo (cerca de 2 ou 3 colheres de sopa cheias) e continue misturando;

- Adicione os 200 ml de água morna e em seguida 1/2 xícara de óleo;

- Misture tudo;

- Adicione farinha de trigo (cerca de 1/2 quilo) até que a massa fique resistente e desgrude dos dedos;

- Reserve durante uma hora em uma vasilha ou prato, cobrindo com um pano de prato;

- Após uma hora, abra a massa sobre uma superfície lisa (mesa de pedra ou vidro), levando em conta a espessura de massa de sua preferência (grossa ou fina) e considerando o tamanho de sua assadeira para pizza;

- Se necessário, ponha um pouco de farinha nessa superfície;

- Para abrir a massa, use um rolo;

- Cubra a massa com o molho de tomate na quantidade de sua preferência;

- Coloque um pouquinho de farinha na assadeira e gire-a, de modo que uma pequena camada de farinha seja criada internamente;

- Desfaça-se das sobras;

- Coloque a massa da pizza aberta dentro da assadeira;

- Sobre ela, polvilhe a cebola, o tomate, o pimentão e o milho cozido;

- Cubra tudo com queijo mussarela e salpique um pouco de orégano;

- Leve a pizza a um forno alto pré-aquecido;

- Deixe assar por cerda de 20 ou 30 minutos, dependendo da espessura da massa.

Tempo de preparo: 20 minutos; Rendimento: 8 porções.

Faça você mesmo: Salmão defumado com raiz forte

Ingredientes: 125 ml de coalhada; 1 colher de sopa de raiz forte; 150 g de salmão defumado; pimenta do reino a gosto; azeitona e endro para decoração.

Como fazer: Misture a coalhada e a raiz forte, e coloque a misture no topo de cada Pão Sueco da Pinheirense. A seguir, ponha os pedaços de salmão no topo, e decore com as azeitonas cortadas ao meio e com endro.

Foto: Alessandra Pimentel

Confira os benefícios da batata doce

A alimentação é de extrema relevância na rotina de qualquer atleta, principalmente uma dieta rica em proteínas e carboidratos.

Presença certa em festas juninas, a batata doce conquistou mais espaço no cardápio ao se tornar a queridinha dos praticantes de musculação. Considerada o carboidrato ideal para atletas, supera os outros tubérculos em vários nutrientes:, já que possui cinco vezes mais cálcio, o dobro de fibras e mais potássio que a batata-inglesa.

Sem os nutrientes necessários, o corpo não consegue reconstruir o tecido muscular que foi danificado durante o treino e, consequentemente, ao invés de ganhar massa muscular, a pessoa acaba perdendo.

Comparada à mandioca, ela também ganha em fibras e cálcio, assim como em proteína, fósforo e potássio. Resultado: estimula o intestino, auxilia no controle do diabetes e do colesterol e, mesmo sendo mais calórica do que a inglesa, a doce ajuda a emagrecer.

O sucesso desse alimento também está no baixo índice glicêmico (IG), pois esses alimentos liberam lenta e gradualmente a energia contida neles, evitando, assim, os “picos” de insulina no sangue e o acúmulo de gordura, além de proporcionar maior sensação de saciedade.

A batata doce é considerada uns dos principais fontes de carboidrato, e é colocada nas dietas junto com o peito de frango que é um dos principais fontes de proteína. O indicado é consumi-la durante o dia, entre uma e duas horas antes dos treinos de peso.

Além do baixo índice glicêmico, a batata doce possui alta taxa de vitamina A, que age como antioxidante e atua na manutenção dos ossos, tecido epitelial e sistema imunológico. É rica também em vitaminas do complexo B e sais minerais, como cálcio, ferro, potássio e fósforo.

Cada 100g de batata doce tem em média 116 calorias – 1,16g de proteínas, 30,10g de carboidratos e 0,32g de lipídios.