Saiba mais sobre a hipoglicemia

A glicose, o açúcar do sangue, é a maior fonte de energia do corpo, além de ser a única forma de energia que o cérebro usa de forma eficaz.

Durante a digestão e o metabolismo, o fígado converte todos os carboidratos e aproximadamente metade das proteínas de uma refeição em glicose, que é liberada no fluxo sanguíneo. Em resposta ao aumento dos níveis de glicose no sangue, o pâncreas secreta insulina adicional, que é o hormônio que capacita a célula a usar o açúcar para a produção de energia.

A hipoglicemia ( baixo nível de açúcar no sangue) ocorre quando a quantidade de insulina do sangue excede o que é necessário para o corpo metabolizar a glicose existente. Estes casos são comuns em diabéticos que tomam insulina demais, mas também ocorre em outras circunstâncias: excesso de consumo de álcool, ingestão exagerada de aspirina ou acetaminofena, betabloqueadores e algumas drogas antipsicóticas, ou então quando se desenvolvem tumores que secretam a insulina.

Dicas:

Consuma refeições pequenas que forneçam equilíbrio de proteína, de carboidrato e de gordura;

Controle refeições e petiscos que contenham somente carboidratos ( especialmente os açucarados);

Evite beber álcool sem comer;

Coma imediatamente um destes alimentos para elevar os níveis de glicose do sangue:

- 1/2 copo de qualquer suco de frutas;

- 1/2 copo de um refrigerante comum ( sem ser dietético);

- 1 copo de leite;

- 5 ou 6 balas;

- 1 ou 2 colheres de chá com açúcar ou mel.

Como afastar os insetos da sua cozinha

Não é necessário fazer uso do inseticida ou de armadilhas para deixar a cozinha livre das formigas. O segredo: limão.

Primeiro, esprema um pouco de suco de limão na soleira das portas e nos peitoris das janelas. Em seguida, coloque o suco em todos os buracos e rachaduras para onde se dirigem as formigas.

Por último, espalhe algumas pequenas fatias de casca de limão em volta da porta de entrada. As formigas entenderão a mensagem de que não são bem-vindas.

Os limões também funcionam contra baratas e pulgas: junte o suco de 4 limões (com a casca) e 2 litros de água, e lave o chão com essa mistura; pulgas e baratas odeiam o cheiro de limão.

Receita com Pão Integral: antepasto de sardinha

Todos os pães da Pinheirense – tipo sueco e de forma- são feitos artesanalmente, sem a adição de conservantes e outros produtos químicos. Saborosos e saudáveis, os pães integrais da Pinheirense, enriquecidos com grãos e fibras, são ideais para o preparo de diferentes receitas.

No post de hoje, compartilhamos com os leitores do blog e clientes Pinheirense, a receita de antepasto de sardinha com Pão Integral, super fácil de fazer e que cai super bem nestes dias quentes. Anote aí:

Ingredientes:

12 fatias de pão de forma integral Pinheirense;

2 latas de sardinha;

azeite de oliva;

3 ovos cozidos e picados;

rodelas de azeitona preta;

12 fatias de mozarela;

folhas de alface;

rodelas de tomate.

Modo de fazer:

Preaqueça o forno. Torre as fatias de pão e reserve. Escorra as sardinhas, limpe-as e desmanche com o garfo. Junte um fio de azeite e amasse até obter um patê. Passe uma generosa camada sobre metade das torradas. Acrescente ovo picado, rodelas de azeitona e uma fatia de mozarela. Cubra com outra torrada. Arrume os sanduíches numa assadeira untada e leve ao forno por cerca de 5 minutos. Coloque os antepastos em pratinhos individuais decorados com alface. Sirva imediatamente. :-)

Pegue sol em pequenas doses

Especialistas acreditam que a maioria dos cânceres de pele é causada por excessiva exposição solar antes dos 18 anos. Cerca de 80% dos sinais de envelhecimento da pele estão relacionados à exposição ao sol ao longo da vida. Então, quanto mais exposição ao sol você teve, maior a chance de rugas, manchas, sardas e alteração da cor da pele depois dos 50 anos.

Limite os banhos de sol intencionais, especialmente no meio do dia. Use chapéu para proteger o rosto, o pescoço e as orelhas e protetor para os lábios. Use óculos escuros quando estiver ao ar livre sob sol forte entre 10h e 16h, e escolha óculos que protejam contra 99% de raios UVA e UVB, os dois tipos de radiação ultravioleta na luz solar que podem provocar os maiores danos.

SE tiver de se expor ao sol, escolha um protetor solar de “largo espectro”, efetivo contra UVA e UVB, e com FPS 15 ou maior. Aplique 30 minutos antes da exposição e aumente aos poucos sua exposição ao sol. Um protetor solar “à prova d’água” fornece proteção por duas vezes mais tempo do que um “resistente à água”. O mais importante: não exagere no tempo de exposição ao sol.

Quando a dieta ameaça os ossos

Muitos estudos mostram que, para as pessoas com mais idade, a perda de peso – deliberada ou por causa de doença – leva à perda de densidade mineral do osso. Isso se aplica especialmente a mulheres na época da menopausa e depois dela, e aumenta o risco de fratura em caso de queda.

Você nunca saberá se perdeu densidade óssea ou massa muscular com uma balança de banheiro. E as balanças não lhe dirão se você tem gordura visceral demais – o tipo que se concentra no abdome e que aumenta o risco de diabetes e doença cardíaca.

Então, em vez de comer para perder peso, coma para obter uma boa nutrição e prevenir doenças. Faça exercícios para construir músculos mais densos, fortes e consistentes. Mulheres e homens de 80 ou 90 anos que se atêm a um programa de treinamento de resistência simples e seguro aumentam a força e a agilidade, substituem a gordura saliente por massa muscular magra e desenvolvem novo entusiasmo pela vida.

E se você perder peso mesmo sem querer? Preste atenção na balança e fale com o médico. Perda de peso não planejada pode ser sinal de deficiência nutricional, desequilíbrio hormonal, depressão, infecção ou doença grave.

Acabe com a fadiga!

A fadiga tem muitas causas, algumas complexas. Contudo, negligenciamos a razão mais óbvia de perdermos energia: não nos abastecemos com os combustíveis adequados. Em geral, perda de energia significa fome ou sede. Ela é quase sempre o melhor marcador da necessidade de comer alguma coisa. Aqui estão dicas para otimizar as suas escolhas e padrões alimentares e solucionar a baixa energia e o cansaço.

- Alimente-se com frequência: fazer pequenas refeições ao longo do dia, ou três refeições e dois lanches, contribui para manter o nível de açúcar estável no sangue, afastando a fadiga. Experimente comer alguma coisa saudável a cada três horas. Mais tempo sem fazer isso o fará correr risco de uma queda do nível de açúcar no sangue que afetará o seu bem-estar.

- Deixe o café de lado… Na maioria das vezes, a cafeína presente no café é um estimulante seguro e natural que aumenta a frequência cardíaca e respiratória. Mas os efeitos desaparecem, deixando-o com vontade de beber mais café ou cansado de novo. Hoje, muitos especialistas recomendam evitar a cafeína se a fadiga é um problema contínuo.

… Mas não o café da manhã: Você acorda e, quando vai tomar o café da manhã, já se passaram 12 horas desde a última refeição. Mesmo que o estômago não esteja com fome, o corpo está. Tome um bom café da manhã todos os dias. Estudos demonstram que quem faz isso se concentra e é mais produtivo.

- Beba bastante água: A água é necessária à produção química de energia no corpo. Se a pessoa não bebe o suficiente, o corpo tem de compensar de modo que pode esgotar a sua vitalidade. Beba dois copos de água a cada 2 horas, mais ou menos.

- Consuma proteína suficiente: Os aminoácidos das proteínas contribuem para elevar os níveis de neurotransmissores na corrente sanguínea que são importantes para o humor e a agilidade. Um princípio básico é sempre consumir uma porção de proteína a cada refeição, incluindo o café da manhã.

- Consuma menos doces: O açúcar refinado é digerido muito rápido e ocasiona quase que imediatamente picos glicêmicos – o conhecido aumento súbito de açúcar (hiperglicemia). Em seguida, há uma queda de açúcar no sangue (hipoglicemia), que deixa as pessoas sem energia. Enquanto os adultos talvez não sintam os picos glicêmicos como uma criança pode sentir, em geral sofrem com a queda. Deixe de lado refrigerantes, bolos, biscoitos e, em vez de doces, opte por proteínas.

Sorvete: excelente fonte de cálcio

Excelente fonte de cálcio, o sorvete apresenta uma quantidade considerável de proteína, assim como de vitamina A e riboflavina. Uma ótima escolha para fechar a refeição com uma sobremesa gelada são os sorvetes de fruta, que têm baixo teor de gordura.

Os frozen yogurts com pouca gordura também são bons substitutos para o sorvete; meia xícara com cobertura de frutas frescas e de germe de trigo torrado pode satisfazer o desejo de quem quer uma sobremesa gelada, e ainda funciona como um bom suplemento de cálcio, de vitaminas e de fibras.

Nada melhor nesses dias quentes, típicos do verão! Sirva seu sorvete predileto com o Pão tipo Sueco Pinheirense, que além de saboroso, é integral, livre de conservantes e produzido artesanalmente.

Figos: doces e adstringentes

Os figos são doces e adstringentes, com uma energia fria e um efeito pós-digestivo doce. Fonte rica em potássio, cálcio e ferro, também são ricos em fibras.

Ao contrário do que muitos pensam, os figos não são frutos, mas receptáculos de flores em galhos desfolhados. As verdadeiras frutas são os aquênios, semelhantes à semente, que se desenvolvem junto às imperceptíveis flores dentro do bulbo polpudo.

Como os figos frescos normalmente ficam machucados e estragam com rapidez, a maior parte da produção é usada seca ou enlatada. Embora rico em calorias – 180 em cinco pedaços -, o figo seco é um lanche nutritivo, contribuindo com 15% ou mais da Ingestão Diária Recomendada ( IDR) de cálcio e 8% da IDR de 15% de ferro, bem como 6 g de fibras, mais de 590 g de potássio e quantidades razoáveis de vitamina B6. Consumir figos com frutas cítricas ou outra fonte de vitamina C aumenta a absorção de ferro.

Tanto os figos frescos como os secos são ricos em pectina, uma fibra solúvel que ajuda a reduzir o colesterol no sangue. Os figos também têm um efeito laxativo, portanto, são especialmente benéficos para pessoas que sofrem de prisão de ventre crônica.