Minas Gerais sedia a Motofair 2012

 

 
A maior feira de motos do país fora de São Paulo, o Motofair 2012, acontece entre os dias 29 de março e 01 de abril, na Expominas, em Belo Horizonte, MG. A terceira edição do evento traz inúmeras novidades para empresários do setor duas rodas, motociclistas e amantes das motos.Durante os quatro dias da feira, o que não vai faltar é adrenalina e muita emoção para as mais de 25 mil pessoas que são esperadas no Motofair deste ano. Isso porque Jean MC, Cachorrão Moto Show e Trial Show Sherco prometem animar o público com diversas manobras radicais.Além dessas atrações radicais, o rock’n roll e o blues vão embalar os quatro dias de feira com as bandas Teor, Daniel Darezzo e Clave de Nós, Taxman Blues, Nova Banda Gordini e Lascívia.

Ao todo, cerca de 70 estandes vão marcar presença no Motofair 2012, entre fabricantes de motos, peças, roupas, acessórios e tudo relacionado ao mercado duas rodas.


 Harmonia no trânsito

Além de todas essas atividades, os visitantes do Motofair terão a oportunidade de participar de cursos, treinamentos e simuladores de pilotagem promovidos pela Honda. Intitulado Harmonia no Trânsito, o programa da montadora visa conscientizar motociclistas, motoristas e pedestres a exercerem sua cidadania em prol de um convívio mais amigável no trânsito.

Para isso, a Honda irá propor atividades teóricas e práticas, que vão desde dicas de como checar os equipamentos da motocicleta até as leis de trânsito, equipamentos de proteção, postura adequada para pilotar, noções de manutenção e atividades lúdicas para as crianças. O Harmonia no Trânsito é gratuito e será realizado no sábado e no domingo, dias 31/3 e 1º/4.

Ingressos

Os ingressos para o Motofair 2012 serão vendidos a R$ 15 na quinta e sexta-feira, 29 e 30/3, e R$ 20 no sábado e domingo, 31/3 e 1º/4. Idosos, estudantes e integrantes de motoclubes pagam meia-entrada. Empresários do setor duas rodas que se cadastrarem antecipadamente no site do evento e devidamente identificados não pagam.

Confira a programação do Motofair 2012:

Quinta-feira (29/3)
18h – Jean Mc
18h40 – Cachorrão Moto Show
19h50 – Teor
21h – Trial Show Sherco

Sexta-feira (30/3)
18h – Jean Mc
18h40 – Cachorrão Moto Show
19h50 – Daniel Darezzo e Clave de Nós
21h – Trial Show Sherco

Sábado (31/3)
14h – Jean Mc
15h30 – Taxman Blues
17h – Cachorrão Moto Show
18h30 – Nova Banda Gordini
20h – Trial Show Sherco

Domingo (1º/4)
14h – Jean Mc
15h30 – Lascívia
17h – Cachorrão Moto Show
18h30 – Taxman Blues
20h – Trial Show Sherco

 

Benefícios da hidroginástica

Encontrar uma atividade física que desperte prazer e apresente resultados não é uma tarefa simples. Muitas vezes, as pessoas estipulam metas a serem alcançadas, mas abrem mão de seus objetivos por não se adaptarem aos exercícios das academias convencionais.

As reclamações são variadas, dores musculares intensas, exercícios que forçam a coluna e as articulações, atividades de alto impacto, entre outras.  Como solução para todas essas questões, a dica é fazer exercícios em ambientes aquáticos como, por exemplo, a hidroginástica.

Esta atividade ajuda no condicionamento cardiovascular e muscular, trabalhando a flexibilidade, coordenação motora e relaxamento. Esse tipo de exercício não tem restrições, pode ser feito por pessoas de qualquer faixa etária e por indivíduos com pouca resistência física.

O ambiente aquático proporciona ao aluno a sensação de redução do peso, assim a tensão nas articulações também diminui. Além disso, a água faz uma massagem muscular através da pressão e dos movimentos realizados, garantindo maior circulação e relaxamento das tensões do dia a dia.

Os movimentos feitos durante as aulas de hidroginástica são realizados com mais facilidade e liberdade. Por não sentir efeitos como transpiração e exaustão, comuns em atividades praticadas em solo, o aluno tem a sensação de bem estar, e percebe que a atividade torna-se mais prazerosa, fato que diminui o índice de desistência dos praticantes.

As aulas são realizadas em grupo e o ambiente, geralmente, é bastante agradável e animado. Para pessoas da terceira idade, a hidroginástica é recomendada para a prevenção e tratamento da osteoporose, aumento do equilíbrio – prevenindo possíveis quedas comuns nessa idade -, e, também, na socialização do idoso.

Para obter mais êxito nas atividades, procure uma academia próxima à sua casa ou que esteja no seu trajeto diário, escolha um horário que seus compromissos não vão te impedir de praticar o exercício, e torne a atividade física prazerosa, para que você alcance seus objetivos com bem estar e alegria.

Espetáculo “Improvisos” abre a temporada 2012 do programa Teatro de Dança

Foto: Haroldo Saboia

O Teatro de Dança, programa da Secretaria de Estado da Cultura de São Paulo, abre temporada 2012 com o espetáculo “Improvisos”, nos dias 24, 25, 31 de março e 1º de abril, na Sala Paschoal Carlos Magno, do Teatro Sérgio Cardoso. Dirigido por Diogo Granato, o espetáculo proporciona ao público a experiência de presenciar, em tempo real a construção de uma criação coletiva, a partir de temas surgidos em uma dinâmica de improvisação.

Foto: Haroldo Saboia

Por meio da percepção dos intérpretes-criadores do grupo Silenciosas + GT’aime, nascem movimentos efêmeros, em jogos de composição que promovem a ocupação do espaço cênico. Para tanto, o grupo mistura diversas linguagens corporais, como a dança, o teatro, o circo e o parkour – esporte urbano em que os participantes contam apenas com as habilidades do corpo para transpor obstáculos.

Sobre um palco limpo, sem qualquer vestimenta cênica, os seis bailarinos, um trio de músicos e um iluminador-intérprete apropriam-se da arquitetura do teatro para interpretar cada estímulo recebido de maneira pessoal, contribuindo para a construção das cenas. O sentido e a coerência das situações inéditas traçadas a cada espetáculo são percebidos pela plateia, que testemunha cada momento do processo criativo.

Foto: Jessica Rosen

Improvisos estreou em setembro de 2009, destacou-se na quinta edição da Bienal SESC de Dança e circulou também pelas cidades de Campinas, São Paulo, Belo Horizonte e Rio de Janeiro.

Silenciosas + GT’aime

O coletivo surgiu da união de dois grupos de pesquisa dirigidos por Diogo Granato. As Silenciosas possuem experiência na pesquisa do movimento específico, produzindo experimentações em dança. O GT’aime tem maior experiência nos jogos e estado cênico, tendo como base de seu trabalho a mistura de técnicas de dança, teatro e artes marciais.

Os trabalhos de ambos os grupos são ricos em humor, jogo teatral, relação direta com o público e dança vista como um depoimento pessoal. O grupo descobre seus conceitos artísticos através da experimentação e do treinamento. Dentro da proposta de realização de Jogos de Danças, os trabalhos criados foram: Improvisos, Dançando na Cidade, Jam Session e Solos e Duos na Cidade. Ainda no primeiro semestre de 2012, o grupo estreia dois novos trabalhos Solos de Duos e Stardust.

Teatro de Dança

O TD é um programa da Secretaria de Estado da Cultura que se propõe a manter um calendário permanente de dança em uma sala específica, com apresentações de origens e propostas variadas. Com ingressos a preços acessíveis, o programa busca estimular a formação de público para este tipo de linguagem artística, ao mesmo tempo em que atua também no apoio à criação. Criado em 2006, no Teatro Itália, o TD foi retomado pela Secretaria em 2011, na Sala Paschoal Carlos Magno, após a reabertura do Teatro Sérgio Cardoso.

Ficha Técnica

Direção e Concepção: Diogo Granato
Intérpretes-criadores: Ana Noronha, Carolina Brandão, Diogo Granato, Flavio Falcone, Michelle Farias e Nathalia Catharina
Musicistas: Claudia Dorei, Lelena Anhaia e Mariá Portugal
Iluminadores- Intérpretes: Marisa Bentivegna e Marcelo Esteves
Assistente de produção: Guilherme Bezerra
Produção executiva: Cau Fonseca

Teatro Sérgio Cardoso – Sala Paschoal Carlos Magno
Av. Rui Barbosa, 153, Bela Vista.
Telefone: (11) 3287-8844
144 lugares
Ingressos: R$ 15,00 e R$ 7,50 (meia-entrada)
Dias 24, 25 e 31 de março e 1º de abril
Sábados e domingos às 19h
60 minutos. Classificação: livre

Outono: estação das frutas

O outono chegou, e com ele, a safra de várias frutas que são excelentes fontes de vitamina C, betacaroteno e potássio, além de outras vitaminas e minerais. A maioria das frutas é pobre em calorias e rica em fibras e, por isso, é ideal para pessoas com problemas de peso.

Selecionamos algumas frutas típicas dessa estação do ano e seus respectivos benefícios para a saúde:

Abacate:

- Rico em óleo monoinsaturado, a mesma gordura “amiga” do coração encontrada no azeite de oliva, possui mais fibras solúveis do que qualquer outra fruta;

- O abacate é repleto de um fitosterol chamado betasitosterol, que previne a absorção do colesterol pelo intestino;

- Essa fruta tem mais proteínas do que qualquer outra – aproximadamente 2 g em uma porção de 115 g;

- A metade de um abacate médio, cerca de 115 g, fornece 500 mg de potássio e mais de 26% da Ingestão Diária Recomendada (IDR) de ácido fólico. Também apresenta quase 6% da IDR de ferro, vitaminas C, E e B6.

Banana:

- Uma banana média contém aproximadamente 500 mg de potássio, mineral que auxilia na diminuição da pressão arterial;

- A banana contém o aminoácido triptofano, que estimula a produção de serotonina, um neurotransmissor que produz um efeito calmante no corpo;

- É uma fonte rica de vitamina B6. Uma banana média supre 45% da Ingestão Diária Recomendada (IDR). Apresenta 2 g de fibras, algumas das quais são solúveis, ajudando na redução dos níveis de colesterol no sangue;

- Rica em ácido fólico e fibras.

Coco:

- boa fonte de ferro e de fibras;

- Rico em ácidos graxos fáceis de digerir;

- O coco está presente em diversos produtos alimentícios e não-alimentícios. O óleo é usado na gordura vegetal, em cremes que não são à base de leite, em algumas margarinas e em diversos produtos industrializados. É também matéria-prima presente na fabricação de xampus, hidratantes, sabonetes e diversos outros cosméticos;

- A água de coco é rica em vitaminas, minerais, aminoácidos, carboidratos, antioxidantes, enzimas e outros fitonutrientes que ajudam o corpo a funcionar com mais eficiência. Seu conteúdo eletrolítico (mineral iônico) é um excelente reidratante oral.

Pera:

- Boa fonte de fibras;

- Contém vitamina C e ácido fólico;

- Uma pera média possui cerca de 100 calorias e fornece 5 g de fibras. Tais fibras são a pectina, fibra solúvel que ajuda no controle dos níveis de colesterol do sangue, e a celulose, fibra insolúvel que promove o bom funcionamento do intestino;

- Essa fruta ainda apresenta quantidades úteis de vitamina C, ácido fólico e potássio;

- A pera pode ser um lanche ou uma sobremesa ideal, e ainda é usada como acompanhamento doce ou picante de um prato. É saborosa tanto fresca quanto cozida, escaldada ou sautée.

Exercite sua mente!

Caso você pense que fadiga mental, esquecimento e doenças de Alzheimer são inevitáveis, a ciência do envelhecimento tem novidades: ao exercitar a mente de forma produtiva, é possível diminuir o risco de declínio mental. E não é necessário um sofisticado programa de computador ou coisa do tipo. A saída é a “calistenia cerebral” simples (um cientista a chama de neuróbica – aeróbica para as células cerebrais), que envolve novas maneiras de fazer as tarefas do dia a dia.

Essa ideia provém de uma notável descoberta. Em necropsias de 137 residentes de asilos cujo estado mental havia sido avaliado durante a vida, descobriu-se que dez deles possuíam as clássicas alterações cerebrais da doença de Alzheimer, apesar de terem apresentado poucos sinais do mal em vida – seus desempenhos mentais foram tão bons quanto os de residentes cujo cérebro não mostrou alterações após a morte.

Os cientistas encontraram uma explicação possível: o cérebro desses pacientes pesava mais e tinha mais neurônios do que o de residentes da mesma idade sem as alterações cerebrais da doença de Alzheimer. Outra razão possível: as pessoas tinham uma “reserva cognitiva” maior – uma “poupança” de vias extras que lhes permitia contrabalançar as mudanças e funcionar bem por mais tempo. Desde então, estudos sugerem que até 20% das pessoas que não tinham sinais de Alzheimer apresentavam na necropsia alterações cerebrais características da doença.

Neurocientistas também descobriram que quem usa o cérebro com mais frequência parece ter essas reservas salvadoras. E eles acreditam que exercitar o cérebro de modo parecido com que exercitamos os músculos durante os exercícios pode tornar o cérebro mais forte e flexível.

Plantas para Jardim

Uma casa não está completa sem um jardim que, quando bem cuidado, ajuda a tornar o espaço mais agradável, bonito e relaxante. E para compor o jardim, nada como belas plantas, que se adequem ao tipo de ambiente e clima vigentes. Selecionamos algumas espécies, para você ficar por dentro de suas principais características, e, quem sabe, animar-se em dar uma atenção mais especial ao seu jardim.

Aloes: Babosa – pertence à família das plantas gordas e requer terra arenosa. Multiplica-se por mudas e sementes. A seiva gosmenta das folhas é cicatrizante das feridas, especialmente queimaduras. A mais notável aplicação das folhas dessa planta é como fortificante dos cabelos. Possui flores vermelhas de longa durabilidade.

Dieffenbachia: Comigo ninguém pode – planta nativa da Amazônia; tem caule grosso, contendo seiva irritante e tóxica, folhas em tufos salpicadas de branco. É própria para vasos; multiplicada por mudas; requer terras estercadas.

Sansevieria: Espada de São Jorge – é uma planta que se desenvolve em qualquer solo ou clima. Reproduz por folhas ou fragmentos de folhas. Pode ser conservada por muito tempo em jarras com água renovada. Acaba enraizando na água.

Rhododendron: Azálea – planta de origem chinesa, introduzida no Brasil, é o mais sério rival da roseira. Arbusto que prefere as terras ácidas e turfosas, não deve receber adubação calcárea. As flores são brancas, róseas, cor de salmão e sulferinas; a florada se dá entre agosto e novembro, com tão grande abundância que desaparece a folhagem coberta pelas flores. Multiplicam-se por estacas com 5 folhas.

Pelargonium: Gerânio – planta comum nas jardineiras, requer terra fértil e muita luz. Embora dure entre 2 a 3 anos, é replantada anualmente porque o seu maior florescimento é em pés novos. As estacas devem ficar expostas ao ar por entre 24 a 48 horas, permitindo secar e cicatrizar o corte antes de plantar, para evitar o apodrecimento.

Dália: Planta de grande capacidade de adaptação em qualquer clima e solo; apenas não suporta os encharcados e os muito pobres. As batatas devem ser plantadas entre maio e julho. Para melhores florações, a planta exige adubação quinzenal.

Zantedeschia: Copo de leite – prefere lugares a pleno sol e bastante úmidos, com terra fértil. Uma particularidade dessa planta é que quanto mais velha, melhor floresce. Sendo assim, deixe a planta no mesmo lugar por mais tempo que puder.

Hydrangea: Hortênsia – para que a sua plantação de hortênsia fique mais bonita, com flores bem azuis, regue com água contendo 3 g de alúmen amoniacal por litro. A adubação calcárea ou de reação alcalina faz variar o colorido das flores, tornando-as róseas.

Bougainvillea: trepadeira muito popular, multiplicada por meio de estaca. As flores são vistosas e de várias cores – roxo, vermelho, cor de tijolo e branco. Requer terra fértil bem adubada. As podas reduzem a florada seguinte e, quando não for necessário, remova apenas um ou outro galho velho. Planta excelente para cobrir muros, paredes, terraços ou portões.

Faça em casa: cesta de massa de pão

Provavelmente, você não sabia que é possível criar objetos decorativos e úteis empregando somente massa de farinha. Confira o passo a passo para fazer uma cesta de massa de pão:

Equipamento: Uma fôrma refratária redonda com 30 cm de diâmetro e 6,5 cm de profundidade; um pincel; um espeto de madeira; papel alumínio; papel manteiga; verniz claro de poliuretano.

Ingredientes: 1 ½ xícara (chá) de sal; 2 ¼ xícaras (chá) de água quente; 6 xícaras (chá) de farinha de trigo; 1 ovo.

Execução:

1 – Cubra a parte externa da fôrma com o papel alumínio, dobrando o excesso para dentro dela;

2 – Dissolva bem o sal na água quente e deixe esfriar.

3 – Despeje a farinha numa tigela e junte a solução fria, aos poucos, misturando com as mãos;

4 – Sove a massa até deixá-la macia e flexível (se ficar muito molhada, acrescente um pouco de farinha; se ficar muito seca, adicione água);

5 – Com um rolo, abra ¾ da massa na forma de um retângulo de 45 cm x 35 cm, com 3 mm de espessura;

6 – Corte a massa em tiras de 2 cm de largura. Para as dimensões da fôrma recomendada, você precisará de seis tiras de 43 cm, quatro de 40 cm e quatro de 29 cm de comprimento. Se usar fôrma de outro tamanho, vire-a de cabeça para baixo e meça as extremidades, passando pelo centro, para obter as tiras mais compridas. Corte então as outras, proporcionalmente menores;

7 – Disponha metade das tiras sobre um quadrado de papel alumínio de 45 cm de lado, deixando 2 cm de espaço entre elas;

8 – “Teça” a cesta, cruzando as tiras restantes com as que estão sobre o papel alumínio. Comece com a de 43 cm e trabalhe sempre do centro para fora;

9 – Cole todos os cruzamentos das tiras de 43 cm, passando um pouco de água entre as camadas e apertando com o espeto;

10 – Coloque o papel com a massa trançada sobre a fôrma virada para baixo e corte as pontas das tiras para nivelá-las com a beirada da fôrma;

11 – Pressione ligeiramente a massa sobre a fôrma, para moldá-la;

12 – Forme uma trança com a massa que restou e cole-a na borda da cesta;

13- Leve a fôrma ao forno moderado e asse durante 30 minutos. Depois desenforme a cesta sobre o papel manteiga. Pincele-a com o ovo misturado com 1 colher (chá) de água e leve-a ao forno por 15 minutos;

14- Tire-a do forno e pincele novamente com o ovo batido. Asse-a por mais 15 minutos;

15 – Repita o processo de vitrificação até que toda a cesta fique dourada e completamente seca. Deixe esfriar.

16 – Aplique várias camadas de verniz deixando secar bem entre uma e outra aplicação.

Chá: bebida elegante e saborosa

O chá é uma bebida milenar conhecida no mundo inteiro. Sua história teve início na China, quando o imperador Shen Nung viu uma folha cair em um recipiente com água fervida e logo depois notou que a cor da água tornou-se acastanhada. Cientista e muito curioso, Shen resolveu experimentar e achou a bebida refrescante. Desde então, tem-se registros do uso do chá no território Chinês.

Quando chegou à Inglaterra – país onde a bebida tem grande popularidade -, o chá só fazia parte do cardápio da corte. Com o passar do tempo, a bebida se popularizou e caiu no gosto de todas as classes inglesas.

Além de uma bela história, o chá possui propriedades curativas, calmantes e refrescantes. Com uma grande variedade de cores e sabores fica fácil adaptá-lo aos costumes diários. Abaixo você pode conferir alguns tipos de chás e suas características.

Chá de hortelã: auxilia na digestão, em cólicas e dores estomacais. Pode ser usado em gargarejos para melhorar o hálito e dores de garganta. Combina com: bolo de chocolate.

Chá de camomila: a camomila tem propriedades calmantes e relaxantes, assim ajuda na qualidade do sono. Também é muito usada para diminuir o rocheado e o inchaço das temíveis olheiras. Combina com: pão integral e torradas.

Chá de erva-doce: ameniza as tosses e bronquite por apresentar características expectorantes e previne a retenção de líquido comum nas épocas quentes. Combina com: rosquinhas e bolos.

Chá mate: esse talvez seja o mais famoso de todos. A erva-mate tem poder estimulante, deixa o cérebro em alerta e o corpo pronto para a prática de atividades físicas. No calor, pode ser servido gelado, pois é bem refrescante. Combina com: sanduíche e pão de queijo.

A bebida pode ser servida em qualquer hora do dia, é só escolher o sabor e se deliciar com os aromas e os sabores das ervas.

Propriedades medicinais do alho

O alho foi intensamente estudado nos últimos anos, e boa parte dos estudos relacionados a esse alimento tratou dos compostos de enxofre, que são formados quando a alicina sofre uma série de reações químicas.

A alicina não é encontrada no alho fresco, mas se forma quando as células são agitadas pelo cozimento, corte ou mastigação. Foram associados ao ajoeno (ou ajocisteína), ao sulfeto dialil, à S-alil cisteína (SAC) e a outros subprodutos da alicina os efeitos anticancerígenos, anticoagulantes, fungicidas, anti-hipertensivos, antioxidantes e a queda do colesterol.

Para ativar todo seu poder nutricional, o alho deve ser picado ou amassado, e precisa ficar repousando por dez minutos antes de cozinhar. Isso permite que a alicina e seus potentes derivados sejam ativados.

Antibiótico comestível

O alho apresenta compostos que atuam como poderosos e naturais agentes bactericidas, antivirais e fungicidas. Inclusive, já foi comprovado que o alho inibe os fungos que provocam pé-de-atleta, infecções vaginais e diversos casos de infecção de ouvido. Pode ser tão eficaz no combate a determinados fungos quanto medicações fungicidas.

Alho e produtos com azeite

Várias pessoas costumam guardar o alho picado em azeite, contudo, isso não é recomendado. Essas conservas podem ser potencialmente perigosas caso o alho não tenha sido muito bem limpo. Quantidades diminutas de matéria terrosa podem armazenar esporos do Clostridium botulinum – bactéria que, se germinada, causa botulismo, uma forma fatal de envenenamento alimentar. Compre apenas temperos comerciais que contenham conservantes como sal ou ácidos.

Experimente o Pão Tipo Sueco com alho da Pinheirense.